Identificados corpos encontrados em cova próxima ao cemitério de Paripe

Vítimas foram identificadas como Daiane Pereira Gerson, 26 anos, e Jeferson Quirino dos Santos, 27

Publicado em 22 de outubro de 2015 às 19:54

- Atualizado há 10 meses

Foram identificados, no início da tarde desta quinta-feira (22), os dois corpos encontrados enterrados no final da tarde de ontem dentro de uma cova de aproximadamente 1,70m, ao lado do cemitério do bairro de Paripe, na rua Canaã, Subúrbio ferroviário. Segundo informações da Polícia Civil, as vítimas foram identificadas como Daiane Pereira Gerson, 26 anos, e Jeferson Quirino dos Santos, 27, desaparecidos desde o último dia 01. De acordo com o titular da 5ª Delegacia de Periperi, delegado Nilton Borba, as vítimas foram mortas por traficantes da região, que acreditaram que Jeferson teria interesse em implantar uma boca de fumo na localidade. Ele cumpriu pena de três anos por porte ilegal de armas e tráfico de drogas e estava em liberdade condicional. Polícia isolou área do crime(Foto: Mauro Akin Nassor/CORREIO)“Eles (traficantes) mataram porque acharam que Jeferson estava querendo disputar ponto de tráfico no local. A menina foi morta como queima de arquivo. Ela também era usuária de drogas. No dia do crime eles ainda chegaram a beber com os traficantes”, relatou o delegado, que conduziu o início das investigações. Ainda segundo Borba, no último dia 1º, a mãe de Daniele foi até a delegacia comunicar sobre o desaparecimento da filha e de Jeferson, com quem ela possuí um relacionamento há 7 anos e tinham um filho de 3 anos.  Através de denúncias, a polícia obteve a informação da localização dos corpos e desvendou o crime. Corpos foram retirados nesta quinta-feira(Foto: Mauro Akin Nassor/CORREIO)RemoçãoDe acordo com a polícia, as vítimas foram mortas ainda no dia 01, na localidade conhecida como Calombão ou Alto da Torre. O local fica distante 1km de onde os corpos foram encontrados. Por conta do difícil acesso, a equipe do Departamento de Polícia Técnica (DPT) só fez a remoção dos corpos na manhã de hoje. Com a identificação das vítimas, o caso será encaminhado para o delegado Reinaldo Mangabeira, titular da 3ª Delegacia de Homicídios (DH/BTS). Cinco suspeitos de envolvimento no crime já foram identificados. A agora polícia trabalha para descobrir a localização.

*Colaborou Andréa Chaves, integrante da 9ª Turma do Programa Correio de Futuro