Animação de Wes Anderson abre o Festival de Berlim nesta quinta (15)

sua diversão
14.02.2018, 17:56:00
Atualizado: 14.02.2018, 18:00:59
Isle of Dogs, que abre o Festival de Berlim

Animação de Wes Anderson abre o Festival de Berlim nesta quinta (15)

Filme do brasileiro José Padilha será exibido na Mostra Competitiva, mas não disputa prêmio

Começa nesta quinta-feira (15) o 68º Festival de Berlim, na Alemanha. Pela primeira vez, uma animação será exibida na abertura do evento. Isle of Dogs é uma animação em stop-motion que conta a história de Atari Kobayashi, um garoto japonês de 12 anos de idade que vive sob tutela de um prefeito corrupto. O político aprova uma nova lei que proíbe os cachorros de morarem no local, fazendo com que todos os animais sejam enviados a uma ilha vizinha repleta de lixo. A direção é de Wes Anderson, diretor de Grande Hotel Budapeste, filme que abriu Berlinale há quatro anos.

O brasileiro José Padilha dirige Sete Dias em Entebbe, que será exibido na Mostra Competitiva. O longa, no entanto, está fora de competição.  "Adoro Berlim. E pelo que parece eles gostam de mim. Esse é o quarto filme que emplaco por lá como diretor. Vamos exibir Entebbe no Palast, junto com os grandes filmes de estúdio, embora o nosso orçamento seja modesto. Vai ser no mínimo divertido", disse o diretor. Rosamund Pike e Daniel Brühl são as estrelas da produção inglesa. O longa baseado num episódio real conta a história de quatro sequestradores que assumem o controle de um avião, levando os passageiros de reféns. Eles levam a aeronave para Entebbe, em Uganda, em 1976, em um esforço para libertar dezenas de Palestinos presos em Israel.

Veja a lista completa dos filmes que serão exibidos na Mostra Competitiva:

- 3 Days in Quiberon, de Emily Atef 
- Season of the Devil, de Lav Diaz
- Damsel, de David Zellner and Nathan Zellner 
- Don't Worry, He Won't Get Far on Foot, de Gus Van Sant
- Dovlatov, de Alexey German Jr.
- Eva, de Benoit Jacquot (France / Belgium)
- Daughter of Mine, de Laura Bispuri 
- The Heiresses, de Marcelo Martinessi
- In den Gängen, de Thomas Stuber 
- Isle of Dogs, de Wes Anderson
- Pig, de Mani Haghighi
- My Brother’s Name is Robert and He is an Idiot, de Philip Gröning 
- Museum, de Alonso Ruizpalacios
- The Prayer, de Cédric Kahn
- The Real Estate, de Måns Månsson and Axel Petersén
- Touch Me Not, de Adina Pintilie
- Transit, de Christian Petzold
- Mug, de Małgorzata Szumowska 
- U - July 22, de Erik Poppe