Valesca revela que já foi convidada a se candidatar para política: "não sei prometer e não cumprir"

Cantora vai receber prêmio no Rio de Janeiro por projetos em luta a favor da classe LGBT e suas atitudes feminista

Publicado em 29 de outubro de 2015 às 14:39

- Atualizado há 10 meses

A cantora Valesca Popozuda vai ganhar a Medalha Mérito Pedro Ernesto oferecida pela Câmara dos Vereadores do Rio de Janeiro por conta dos projetos em luta a favor da classe LGBT e suas atitudes feminista. “Nunca passou pela minha cabeça uma coisa dessas. O que só prova que estou no caminho certo. Vou levar minha mãe, ela ficou com os olhos cheios d'àgua", disse ela ao jornal 'Extra'. (Foto: Divulgação)“Sempre fui transparente e defendi os direitos da mulher fazer o que quer com seu corpo e com sua vida. Não acho que a mulher tem que ser melhor que o homem, mas ser respeitada", completou. A funkeira foi um dos assuntos mais citados nas redações do ENEM (Exame Nacional do Ensino Médio) e vibrou com o acontecimento."Me sinto muito orgulhosa de ser lembrada por estudantes do país inteiro numa prova tão importante quanto essa, que abordou o feminismo. Hoje em dia, as pessoas me param na rua e dizem que o preconceito que tinham comigo acabou", comentou. Ainda na entrevista para a publicação, Valesca revelou que já foi convidada a se candidatar para ocupar um cargo político, mas não aceitou. “Não penso nisso. Minha política é diária, com meus popofãs. Não sei prometer e não cumprir”, explicou.

[[saiba_mais]]