Mostra Sesc de cinema infantil toma conta da Sala Walter da Silveira, nos Barris

Linha Fina Lorem ipsum dolor sit amet consectetur adipisicing elit. Dolorum ipsa voluptatum enim voluptatem dignissimos.

Publicado em 6 de outubro de 2015 às 19:21

- Atualizado há 10 meses

A animação Zarafa é uma das atrações da Mostra Sesc de Cinema Infantil na Sala Walter da Silveira (Foto:Divulgação)O Sesc, em parceria com a Fundação Cultural do Estado da Bahia promove a exibição gratuita de filmes infantis, de 8 a 14 de outubro, sempre às 15h, na sala Walter da Silveira, Barris. Em comemoração ao Dia da Criança, a Mostra Sesc de Cinema Infantil apresenta seis produções distintas da Europa e do Brasil. Entrada gratuita.PROGRAMAÇÃOQuinta (8/10) – A Guerra dos Botões (La guerre des boutons, FRA, 2011). Direção: Yann Samuell. Duração: 109 minutos. Elenco: Eric Elmosnino, Mathilde Seigner e Fred Testot. Classificação: livre. Em 1960, em uma aldeia no sul da França, um grupo de meninos, com idades entre 7 a 14 anos, é liderado por Lebrac (Vincent Bres) numa guerra contra as crianças da aldeia vizinha. Trata-se de uma batalha tradicional, realizada há gerações pelos jovens das duas aldeias. Eles lutam pela honra e lealdade, mas utilizam-se dos meios necessários para vencer. O exército de pequenos homens tenta de todas as formas não ser percebido por pais e mães, o que é complicado quando voltam para casa com as roupas rasgadas e sem botões.Sexta (9/10) – IEP! (HOL, 2010). Direção: Elen Smit. Duração: 82 minutos. Elenco: Ties Dekker, Pieter Tiddens e Ditha Van der Linden. Classificação: 10 anos. A incrível história de Dôrinha, uma menina que tem asas, em vez de braços. Ela é encontrada na mata por Warre, um estudioso das aves. Ele e sua esposa Tine, que não têm filhos, decidem criá-la. Mas no outono, Dôrinha voa para o sul e então começa uma viagem emocionante.  Sábado (10/10) – O Menino e o Mundo (Brasil, 2008). Direção: Alê Abreu. Duração: 86 minutos. Elenco: Emicida, Vinicius Garcia e Nana Vasconcelos. Classificação: livre. Animação. Sofrendo com a falta do pai, um menino deixa sua aldeia e descobre um mundo fantástico dominado por máquinas-bichos e estranhos seres. Uma inusitada animação que utiliza várias técnicas para retratar as questões do mundo moderno através do olhar de uma criança.

Domingo (11/10) – Zarafa (FRA/BEL, 2012). Direção: Rémi Bezançon e Jean-Christophe Lie. Duração:78 minutos. Elenco: Max Renaudin, Simon Abkarian e François-Xavier Demaison. Classificação: 10 anos. Animação. Sob um baobá, um velho conta às crianças a história da amizade entre Maki, de apenas 10 anos, e Zarafa, uma girafa órfã. O animal foi dado ao rei francês Charles X por Muhammad Ali, do Egito. Em meio a uma longa jornada que vai do Sudão até Paris, Maki e Zarafa vivem diversas aventuras.

Segunda (12/10) – Contos da Noite (Les contes de la nuit, FRA, 2011). Direção: Michel Ocelot. Duração: 84 minutos. Elenco: Julien Beramis, Marine Griset e Michel Elias. Classificação: 10 anos. Animação. Todas as noites, uma garota, um garoto e um senhor idoso se encontram em um pequeno cinema, que aparenta estar abandonado. Lá dentro, os três criam histórias, escrevem, desenham, vestem fantasias... Eles criam diversas histórias mágicas passadas em uma noite onde tudo é possível.A comédia fantástica O Pequeno Nicolau encerra a mostra, no dia 14 de outubro (quarta-feira)Terça (13/10) – O Menino da Floresta (Le Jour des Corneilles, FRA, 2011). Direção: J. C. Dessaint. Duração: 95 minuto. Elenco: Jean Reno, Lorànt Deutsch e Isabelle Carré. Classificação: livre. A família Courge vive isolada na floresta. Enquanto o pai, tirânico (voz de Jean Reno) impede o filho de sair do local, o pequeno (voz de Lorànt Deutsch) cresce como um selvagem, sem saber da existência de um mundo exterior. As únicas amizades do garoto são os fantasmas da natureza, até o dia em que um evento inesperado o força a sair da floresta. Lá fora, ele descobre a existência de um vilarejo e de uma garotinha chamada Manon.

Quarta (14/10) – O Pequeno Nicolau (Le Petit Nicolas, BEL/FRA, 2010). Direção: Laurent Tirard. Elenco: Maxime Godart, Valérie Lemercier e Kad Merad. Duração: 90 minutos. Classificação: livre. Nicolau (Maxime Godart) leva uma vida tranquila, sendo amado por seus pais e com diversos amigos, com os quais se diverte um bocado. Um dia ele surpreende uma conversa entre os pais, a qual faz com que acredite que sua mãe está grávida. Ele logo entra em pânico, pois acredita que assim que o bebê nascer ele não mais receberá atenção e será abandonado na floresta, assim como ocorre nas histórias do pequeno Poucet, de Perrault.