SOLTOU O VERBO

Luana Piovani rechaça rivalidade feminina no carnaval: 'Menos diversão e mais promoção'

Piovani ponderou sobre a incerteza quanto à continuidade dessa mentalidade no carnaval

  • Foto do(a) author(a) Estadão
  • Estadão

Publicado em 19 de fevereiro de 2024 às 21:52

Luana Piovani aproveitou seu espaço no Instagram para soltar o verbo sobre o carnaval brasileiro
Luana Piovani aproveitou seu espaço no Instagram para soltar o verbo sobre o carnaval brasileiro Crédito: Reprodução/Redes Sociais

Luana Piovani aproveitou seu espaço no Instagram para soltar o verbo sobre o carnaval brasileiro, na manhã desta segunda-feira, 19. De pijamas, a atriz e modelo compartilhou vários stories manifestando o seu interesse de retornar ao Brasil para curtir a folia. No entanto, ela ressaltou que o período festival abriu mais espaço para rivalidade entre mulheres.

"Estou querendo me organizar para passar um carnaval no Brasil. Quero levar vários amigos daqui, ‘gringolândia’ toda implora para ir para o Brasil", explicou, dizendo que já está analisando os detalhes da sua viagem com calma. Piovani, que atualmente mora em Portugal, acrescentou que também tem vontade de voltar a desfilar na Sapucaí.

"Acabei de descobrir que eu não tenho roupa para ir para o Carnaval, porque agora o desfile da Sapucaí é no camarote, né? E já tinha uma tendência das madrinhas de bateria [brilharem] nos camarotes. Mas agora oficializou."

Conforme ela explicou, as tradições mudaram, e agora, para se tornar madrinha de bateria, as passistas precisam demonstrar mais do que apenas habilidade no samba: devem também impressionar o público de outras formas. "Tem que ter carisma, samba no pé, samba-enredo na boca, e uma roupa maravilhosa, as pessoas têm que ficar impactadas com a sua aparência", acrescentou.

"Agora o bacana é você estar fantasiada de madrinha de bateria no camarote. Daí as mulheres, que já concorrem entre si a vida inteira, têm esse desespero por estarem gostosas, lindas, maquiadas, perfeitas e pintam a sobrancelha, e grudam cílios, e fazem o laser, injetam os troços, enfim", disse.

Piovani ponderou sobre a incerteza quanto à continuidade dessa mentalidade no carnaval. Ela expressou sua preocupação, afirmando: "Eu não sei quanto tempo vai durar esse carnaval, porque o carnaval tá cada vez menos diversão e cada vez mais promoção".