SÉRIE A

Bahia mira liderança do Brasileirão em confronto direto com o Red Bull Bragantino

Esquadrão entra em campo neste domingo (12), às 18h30, na Fonte Nova

  • Foto do(a) author(a) Gabriel Rodrigues
  • Gabriel Rodrigues

Publicado em 12 de maio de 2024 às 05:00

Thaciano
Em boa fase, Esquadrão busca voos mais altos no Campeonato Brasileiro Crédito: Letícia Martins/EC Bahia

De olho na liderança do Brasileirão, o Bahia tem mais um grande desafio na Série A. Neste domingo, às 18h30, o tricolor recebe o Red Bull Bragantino, na Fonte Nova, pela 6ª rodada da competição. No duelo direto entre clubes que estão na parte de cima da tabela, o Esquadrão busca mais um triunfo em casa para confirmar a boa fase.

A vitória por 2x1 sobre o Botafogo, no Rio de Janeiro, deixou o time na segunda colocação do Campeonato Brasileiro, empatado com o líder Athletico-PR, que leva vantagem no saldo de gols (4 a 2). Dentro do tricolor, no entanto, é unânime a ideia de que a competição é longa e a equipe precisa pontuar o máximo possível para se manter entre os primeiros colocados.

“É sempre bom iniciar bem em um campeonato tão difícil quanto o Brasileiro, mas o trabalho tem que continuar forte e focado porque o torneio é longo e cada semana é uma final”, pontuou Thaciano, artilheiro do clube na temporada, com oito gols.

Além da boa fase na Série A, contra o Bragantino o Bahia defende a invencibilidade em casa. Em 2024, a equipe principal treinada por Rogério Ceni fez da Fonte Nova uma verdadeira fortaleza. Em 14 partidas, o clube venceu 13 e empatou uma. Mas, apesar do bom retrospecto, Thaciano quer o elenco ligado para não ser surpreendido.

O Red Bull é o quinto colocado do Brasileirão, com nove pontos, um a menos do que o Esquadrão. O rival paulista está invicto na competição e, na última rodada, empatou em casa por 1x1 com o Flamengo. No meio da semana, a equipe treinada pelo português Pedro Caixinha venceu o Racing-ARG, por 2x1, pela Sul-Americana.

“O grau de dificuldade será alto, trata-se de uma equipe muito boa, que vem com uma intensidade boa, vem fazendo um bom campeonato. A gente sabe que a dificuldade será grande, mas temos que estar prontos e preparados para fazer o melhor dentro de campo”, completou Thaciano.

Após a maratona de jogos entre Copa do Brasil e Brasileirão, o Bahia ganhou a semana inteira de preparação. O técnico Rogério Ceni conta com praticamente todo elenco - as exceções são os machucados Ryan e Acevedo -, e tem apenas uma dúvida para montar o time titular.

O zagueiro Victor Cuesta ficou no banco nas duas últimas partidas após passar por uma cirurgia no nariz. No tempo fora da equipe, Kanu formou a dupla de zaga com Gabriel Xavier e ganhou elogios de Ceni. Por isso, apesar da possibilidade de retorno do argentino, não será uma surpresa se Rogério, mais uma vez, optar por manter Kanu nos 11 iniciais.

BRAGANTINO

Enquanto Rogério Ceni praticamente não tem problemas para montar o time, o Red Bull Bragantino tem pelo menos quatro desfalques. O lateral Hurtado, os volantes Raul e Nathan Camargo e o atacante Bruno Gonçalves estão machucados.

O técnico Pedro Caixinha fez mistério e não revelou a equipe que colocará em campo. O português costuma mudar o esquema de acordo com o adversário. A tendência, no entanto, é a de que o atacante Thiago Borbas seja mantido entre os titulares. Ele marcou dois gols no triunfo pela Sul-Americana.

O elenco do Braga conta com jogadores conhecidos dos tricolores, como o lateral esquerdo Juninho Capixaba e o meia Eric Ramires, ambos revelados pelo Esquadrão.