Foden faz dois, City bate United e continua na vice-liderança do Campeonato Inglês

City venceu o clássico de virada

  • Foto do(a) author(a) Estadão
  • Estadão

Publicado em 3 de março de 2024 às 15:51

Pep Guardiola, técnico do Manchester City: clube é quem mais recebeu dinheiro da Fifa por jogadores na Copa
Pep Guardiola, técnico do Manchester City Crédito: Manchester City/Divulgação

Com grande atuação de Phil Foden e um gol do atacante Haaland, o Manchester City venceu o clássico com o Manchester United por 3 a 1, de virada, neste domingo, no Etihad Stadium, pela 27ª rodada do Campeonato Inglês. De quebra, manteve-se na caça ao líder Liverpool. A diferença entre eles é de apenas um ponto.

A vitória levou o City aos 62 pontos, contra 63 do Liverpool, que venceu o Nottingham Forest, por 1 a 0, na rodada, e impediu que o Arsenal o ultrapasse na tabela. Com 58 pontos, entra em campo nesta segunda-feira, frente ao lanterna Sheffield United. Por sua vez, o Manchester United ficou estacionado em sexto lugar, com 44, ainda longe da disputa por vaga na próxima edição da Liga dos Campeões.

Destaque da partida, Foden chegou a 18 gols na temporada, sua melhor marca na carreira, diante de um clube no qual costuma ser carrasco. Ele já balançou as redes do United em seis oportunidades, assim como Haaland. À frente da dupla, só Aguero, com oito.

O Manchester City amassou o United no primeiro tempo e chegou a ter 18 finalizações, mas conseguiu furar a defesa do rival, que abriu o placar com um golaço. Aos sete minutos, Onana acionou Bruno Fernandes. O meia português ajeitou para Rashford. O atacante acertou um lindo chute, no ângulo.

Após sofrer o gol, o City foi para cima, teve 71% de posse de bola e criou várias oportunidades, principalmente com De Bruyne e Haaland, mas a bola insistiu em não entrar. Com isso, o United acabou indo para o intervalo em vantagem.

No segundo tempo, o United não resistiu à pressão e foi esmagado Aos dez, Foden recebeu na intermediária, tirou de Evans e arriscou de longe. A bola também morreu no ângulo. E o dia parecia mesmo ser de Foden. Aos 34, ele fez o gol da virada ao tabelar com Julián Álvarez e chutar cruzado para superar Onana.

Com a partida em mãos, o City não precisou fazer muito esforço para marcar o terceiro. Amrabat foi sair jogando, se atrapalhou e deixou a bola com Haaland. O atacante, que não vinha tendo grande atuação, decretou a vitória.

Ainda neste domingo, o Bournemouth (13º) derrotou o Burnley (19º) por 2 a 0, no Turf Moor. A derrota afundou ainda mais o clube visitante na zona de rebaixamento.