Com passagens por Bahia e Vitória, Souza descarta aposentadoria após grave lesão

Contratado pelo Madureira, Caveirão afirma que ainda tem lenha para queimar no futebol

Publicado em 3 de fevereiro de 2016 às 11:34

- Atualizado há 10 meses

O início de 2016 não tem sido fácil para o atacante Souza. Contratado pelo Madureira para a disputa do Campeonato Carioca, o Caveirão sofreu uma lesão grave no joelho durante o treino da equipe e nem chegou a estrear pelo clube. Como a previsão de recuperação é de quatro meses, o jogador está praticamente fora do estadual.A lesão levantou a suspeita de uma possível aposentadoria do atacante que tem 33 anos e entre outros clubes defendeu Bahia e Vitória. Apesar das especulações, Souza rejeitou a possibilidade de parar e afirmou que ainda "tem muita lenha para queimar no futebol". Souza se machucou durante treino do Madureira e vai ficar cerca de quatro meses longe dos gramados (Foto: Robson Mendes/Arquivo Correio)"Ainda tenho muita lenha para queimar. Minha intenção é de me recuperar e seguir jogando depois. Estão querendo me aposentar, mas não vão conseguir (risos). Eu não falei com ninguém", disse o Caveirão ao Extra.Revelado pelo próprio Madureira, Souza acumula passagens por equipes como Goiás, Vasco, Flamengo e Corinthians. Em 2011 ele chegou ao Bahia para ser o camisa nove e depois de um início ruim conseguiu dar a volta por cima e cair nas graças da torcida. Porém, o comportamento fora de campo e o apoio ao ex-presidente Marcelo Guimarães Filho acabaram desgastando a relação com a torcida e ele deixou o clube em fevereiro de 2014. No mesmo ano ele assinou com o rival Vitória, mas acabou deixando o Leão na mesma temporada.