Vitória recebe proposta de patrocinador para alterar nome do clube; diretoria lança enquete

Empresa também tem interesse em ‘naming rights’ do Barradão

Publicado em 1 de dezembro de 2023 às 11:49

Presidente do Vitória, Fábio Mota, anuncia proposta de patrocinador durante entrevista na Toca do Leão
Presidente do Vitória, Fábio Mota, anuncia proposta de patrocinador durante entrevista na Toca do Leão Crédito: Marina Silva/CORREIO

Atual patrocinador do Vitória, o site de acompanhantes Fatal Model propôs mudar o nome do clube. A empresa quer investir R$ 200 milhões para que o rubro-negro passe a se chamar Fatal Model Esporte Clube Vitória.

A proposta foi anunciada pelo presidente do Vitória, Fábio Mota, em entrevista coletiva concedida na manhã desta sexta-feira (1º), na Toca do Leão.

O valor também contemplaria a aquisição do ‘naming rights’ do Barradão por 10 anos. O estádio passaria a se chamar Fatal Model Arena Barradão.

Na proposta, a Fatal Model também dá a opção ao Vitória de fechar negócio apenas com o ‘naming rights’ do estádio. Nesse caso, o investimento seria de R$ 100 milhões.

Para saber a opinião dos sócios do clube, o Vitória lançou uma enquete no site Sou Mais Vitória. No entanto, o presidente Fábio Mota ressaltou que o resultado não definirá a decisão da diretoria quanto ao assunto.

“É apenas uma enquete. Ninguém está aqui para vender o nome do Vitória. Quando o Vitória recebe uma proposta milionária como essa, você tem a obrigação de tornar pública, de ouvir as pessoas. Cada um tem sua convicção. Recebemos duas propostas: uma para vender o nome do estádio por dez anos, e outra para o nome do clube. Estamos simplesmente fazendo uma enquete para ouvir o que o torcedor acha disso”, pontuou. 

“A mudança no nome do clube é um processo diferente. Eu não tenho o poder de fazer isso. Há discussão no Conselho Deliberativo, AGE. Já a decisão da venda do ‘naming rights’ é uma decisão da direção do clube”, complementou Fábio Mota.

O gestor rubro-negro afirmou que a proposta pelo ‘naming rights’ pode agilizar a instalação da cobertura projetada para o Barradão.

“Os recursos, se a proposta avançar, serão todos revestidos no primeiro momento para a cobertura do estádio. O projeto da Arena Barradão é em torno de R$ 350 milhões. Nós fatiamos o projeto. A primeira fase seria a cobertura. Se der tudo certo, os R$ 100 milhões serão, única e exclusivamente destinados para a cobertura da Arena Barradão”, explicou Fábio Mota.

Fábio Mota
Fábio Mota Crédito: Marina Silva/CORREIO

O dirigente também informou que a implantação da cobertura não ocorreria no próximo ano. “Se for aprovado, a gente senta para conversar com a Fatal Model, mas não quer dizer que a gente vá fazer de forma imediata, porque a gente pretende jogar no Barradão em 2024”.

Durante a coletiva de imprensa, o Vitória também apresentou o novo diretor de marketing do clube, o publicitário Guilherme Queiroz. Ele assume a vaga que era ocupada por Rafael Curvello.