Zé Roberto quer Brasil versátil diante do Japão na semi da Liga das Nações

Técnico da seleção feminina quer um time focado em quadra

  • Foto do(a) author(a) Estadão
  • Estadão

Publicado em 20 de junho de 2024 às 19:04

Seleção feminina de vôlei está de olho na semifinal da Liga das Nações
Seleção feminina de vôlei está de olho na semifinal da Liga das Nações Crédito: Volleyball World/Divulgação

O técnico da seleção brasileira feminina de vôlei, Zé Roberto Guimarães, já está com o pensamento voltado para a semifinal da Liga das Nações. Para superar o Japão, ele quer um time focado e eficiente em quadra.

"Vamos ter pela frente um time muito equilibrado e o nosso saque vai precisar ajudar mais do que na partida contra a Tailândia. As japonesas jogam com muita velocidade nas extremidades", afirmou o treinador.

Ataque e defesa devem funcionar com a mesma eficiência para a equipe brasileira conseguir definir os pontos com tranquilidade. Na partida, o treinador pediu criatividade e intensidade para conseguir levar vantagem sobre as adversárias.

"Sabemos que vamos precisar atacar muitas bolas na semifinal. A Koga está fazendo um campeonato excepcional, Tenho certeza de que vai ser um grande jogo", disse o técnico da seleção brasileira.

A resposta que a equipe deu na vitória de 3 sets a 0 sobre a Tailândia deixou o comandante animado. "A Tailândia é um time que jogou em casa apoiado por uma torcida apaixonada. O importante foi que conseguimos ajustar o nosso jogo e saímos de uma situação difícil no terceiro set", declarou Zé Roberto.

O Brasil volta à quadra no sábado (22), às 10h30, pelo horário de Brasília, para enfrentar o Japão. A equipe rival também será adversária da seleção na fase de grupos da Olimpíada de Paris-2024.