Continente africano é retratado em fotos do pernambucano Cássio Nogueira

Linha Fina Lorem ipsum dolor sit amet consectetur adipisicing elit. Dolorum ipsa voluptatum enim voluptatem dignissimos.

Publicado em 16 de outubro de 2015 às 16:21

- Atualizado há 10 meses

O universo das feiras africanas também é retrarato pelo fotógrado Cássio Nogueira

 

O Centro Cultural Solar Ferrão recebe a exposição África, que conta com fotografias de regiões urbanas e rurais da Libéria e da Guiné, capturadas pelo arquiteto pernambucano Cássio Nogueira. A mostra é formada por um conjunto de 80 imagens produzidas entre 2008 e 2012, e poderá ser conferida pelo público até o dia 15/11.

Desde as montanhas ferrosas da mina de Zogota, na região florestal ao sudeste da Guiné, até a baía de Grand Bassa, na região central da costa liberiana, o fotógrafo captou e eternizou paisagens, ambientes, costumes, atitudes e fisionomias que revelam o imanente pacto entre cultura e natureza em dois dos países considerados mais pobres do mundo. “A África é a razão de eu ter me apaixonado pela fotografia”, afirma Cássio, que teve a oportunidade de morar em três países do continente.

Através das imagens, o público entrará em contato com o cotidiano de pequenos vilarejos e capitais, famílias, trabalho, lazer, arte, tradições, comércio, e uma série de recortes sobre a vida e a realidade dos locais capturados pelo fotógrafo.

Serviço: Centro Cultural Solar Ferrão (Rua Gregório de Matos, Pelourinho).   Visitação de terça a sexta, das 12h às 18h; sábados, domingos e feriados, 12h às 17h. Até dia 15/11.