NOVOS PASSOS

Arquidiocese de Salvador retoma processo de canonização da Serva de Deus Vitória da Encarnação

Os primeiros passos para a canonização da religiosa se iniciaram em 2018, mas foi paralisado com a pandemia

  • Foto do(a) author(a) Da Redação
  • Da Redação

Publicado em 24 de abril de 2024 às 21:39

O processo de canonização da Serva de Deus Vitória da Encarnação foi retomado
O processo de canonização da Serva de Deus Vitória da Encarnação foi retomado Crédito: Sara Gomes/Divulgação

O processo de canonização da Serva de Deus Vitória da Encarnação foi retomado na manhã de hoje (24), durante reunião na residência episcopal, com o Arcebispo de São Salvador da Bahia, Cardeal Dom Sergio da Rocha; e com o chanceler, cônego Antonio Ademilton de Santa Bárbara.

O Tribunal retomará os testemunhos e os relatos de graças alcançadas pela intercessão da Clarissa que morreu com fama de santidade em 1715. A Serva de Deus Vitória da Encarnação nasceu, viveu e morreu em Salvador.

Os primeiros passos para a canonização da religiosa se iniciaram em 2018, mas foi paralisado com a pandemia. Agora, o processo segue com a constituição de um novo Tribunal, formado pelo postulador da Causa da Serva de Deus, frei Jociel Gomes; pelo cônego Alberto Montealegre, nomeado Delegado Episcopal; pelo padre Laudimar Oliveira da Silva, nomeado promotor de Justiça; pelo notário e pela notária adjunta, Dom Sebastião Rolim e Irmã Violeta, respectivamente.

Ainda como parte destes passos, a Comissão Histórica segue trabalhando na fase conclusiva da elaboração do relatório que será entregue ao Arcebispo. Também está em andamento a fase diocesana, cuja previsão de conclusão é o segundo semestre de 2024. Com esta conclusão, toda a documentação será remetida para o Dicastério da Causa dos Santos, na Santa Sé, onde terá início a fase romana.