Assembleia Legislativa da Bahia adia entrega da Comenda 2 de Julho ao ator José de Abreu

Ator viria do Rio, mas fechamento de aeroporto atrapalhou

  • D
  • Da Redação

Publicado em 3 de agosto de 2023 às 16:14

José de Abreu
José de Abreu Crédito: Divulgação

A entrega da Comenda 2 de Julho ao ator José de Abreu, que seria nesta quinta-feira (3), foi adiada por conta de uma neblina que fechou o Aeroporto Santos Dumont, no Rio de Janeiro, para pousos e decolagens. O artista viria do Rio, onde mora, para Salvador, por conta da homenagem, uma honraria concedida pela Assembleia Legislativa da Bahia (AL-BA).

A Sessão Especial de Outorga aconteceria nesta tarde, em uma sessão especial. Ainda não foi definida a nova data para a entrega da Comenda.

O ator comentou a situação em uma rede social. "Não consegui ir para a Bahia. Voo do Santos Dumont cancelado. Corri para o Galeão para tentar o voo das 11, cheguei às 10h", disse ele, em seguida reclamando da companhia aérea, que diz ter alterado sua passagem e impedido o embarque. 

A iniciativa acontece a pedido da deputada Fátima Nunes, do PT, depois de ser proposta na gestão do ex-deputado Marcelino Galo. Na justificativa, é informado que o artista é um dos maiores atores do país em atividade. Também é destacada sua trajetória ligada a causas políticas e democráticas.

Biografia

José de Abreu nasceu em Santa Rita do Passa Quatro, São Paulo. Na juventude, ele se dividia entre a faculdade de Direito em São Paulo e o curso de dramaturgia. Sua carreira nos palcos foi interrompida por causa da sua militância política, quando foi preso no congresso da União Nacional dos Estudantes durante a ditadura militar. Foi obrigado a se exilar na Europa em 1968, retornando apenas em 1974.

Ao longo da sua vida, José de Abreu participou de inúmeras novelas, programas, especiais, séries e minisséries na televisão e também no cinema.

O ator também ficou famoso por defender posições de esquerda no país. Em fevereiro de 2019, em reação à autoproclamação de Juan Guaidó à presidência da Venezuela, chegou a se declarar presidente do Brasil, em um comentário social.