Centro de formação de professores com 700 vagas por turno é inaugurado no Costa Azul

Local tem 15 salas de formação e biblioteca de pesquisa para capacitação de professores da rede municipal

Publicado em 11 de dezembro de 2023 às 13:38

Centro foi inaugurado nesta segunda-feira (11) Crédito: Betto Jr./PMS

Biblioteca de pesquisa, 15 salas de formação, estúdio de gravação, plenária, foyer, sala de convivência, recepção exclusiva e garagens privativas. Essas são algumas das dependências que fazem parte do Centro de Formação Emília Ferreiro, que foi inaugurado nesta segunda-feira (11) e vai servir como área de capacitação para educadores e profissionais da rede municipal de educação de Salvador.

Presente na inauguração, o prefeito Bruno Reis destacou que a estrutura vai possibilitar a promoção de cursos, debates e palestras para os educadores.

"Salvador precisava de um equipamento como estes. É um equipamento moderno e o que há de mais inovador e tecnológico no Norte e no Nordeste do Brasil. Aqui será o local dos trabalhadores da educação para interagir, confraternizar, trocar experiências e se qualificar para que a gente possa avançar na educação", celebrou o gestor.

Reis celebrou a inauguração do Centro Crédito: Betto Jr/PMS

Titular da Secretaria Municipal de Educação (Smed), Thiago Dantas apontou que o centro fará uma formação 'estruturada e continuada', sendo de responsabilidade de diretoria pedagógica a montagem dos conteúdos que vão ser oferecidos no equipamento.

"Os professores vão ter a oportunidade de, uma vez conhecendo o calendário e os conteúdos disponíveis na programação, fazer a opção para que eles possam se aperfeiçoar e levar tudo que está colocado aqui para a sala de aula", fala Thiago.

O Centro tem a capacidade de receber 700 profissionais por turno. Com esse montante, a expectativa é de que consiga receber todos os educadores da rede para formações.

"É uma formação calendarizada. Temos 10 mil professores e a meta [com o centro] é alcançar todos. Fizemos uma atualização do plano de cargos e salários, vinculando a participação nas formações como requisitos para progressão de carreira", completa Dantas.