NEGOCIAÇÃO

Professores municipais terão 8% de reajuste salarial, anuncia prefeitura de Salvador

Acordo foi assinado nesta terça-feira (26)

  • Foto do(a) author(a) Da Redação
  • Da Redação

Publicado em 26 de março de 2024 às 12:24

Professores municipais terão 8% de reajuste salarial, quase o dobro da inflação de 2023
Professores municipais terão 8% de reajuste salarial, quase o dobro da inflação de 2023 Crédito: Betto Jr./ Secom

Professores, gestores escolares e coordenadores pedagógicos da rede municipal terão 8% de reajuste salarial neste ano, percentual que representa quase o dobro do IPCA de 2023, que foi de 4,62%. O acordo foi assinado pela Prefeitura e pela APLB Sindicato na manhã desta terça-feira (26).

O percentual é resultado de uma série de rodadas de negociação entre o município, representado pelas secretarias municipais de Gestão (Semge) e da Educação (Smed), e a representação sindical da categoria.

Para o secretário de Gestão, Rodrigo Alves, o acordo representa um importante avanço na valorização do magistério municipal. “O acordo é fruto de um diálogo permanente, da discussão e negociação das pautas de reivindicações apresentadas pela categoria. Construímos juntos esse consenso de um reajuste salarial diferenciado, que reflete nossa política de valorização dos professores e demais servidores do magistério”, diz.

“Foram reuniões pautadas pelo diálogo e respeito mútuo, que permitiram, mais uma vez, concluir uma campanha salarial assegurando ganhos reais para os profissionais do Magistério Municipal”, afirma Thiago Dantas, secretário da Educação. “Como prometido pelo Prefeito Bruno Reis, a valorização dos Educadores foi garantida mediante um reajuste diferenciado, de 8%, linear, para toda categoria, inclusive aposentados”, frisa.

Segundo Dantas, a pauta de valorização prossegue com a convocação de mais professores e com investimentos em infraestrutura, com especial destaque para a climatização das salas de aula da Rede Municipal de Educação. “Todas essas ações se somam e objetivam consolidar Salvador como referência em Educação Pública de qualidade”, conclui o gestor.