Regiões da Graça e Federação continuam sem água

O abastecimento está regularizado em 80% dos bairros afetados

Publicado em 7 de dezembro de 2023 às 18:36

Carro-pipa na manhã desta quarta-feira na Graça
Carro-pipa na manhã desta quarta-feira na Graça Crédito: Arisson Marinho/CORREIO

Regiões dos bairros da Graça e Federação continuam sem água. O abastecimento dos 15 bairros afetados está regularizado em 80% após incidente em encosta que suspendeu o fornecimento desde a última segunda-feira (4).

A Rua Barão de Capanema, na Graça, e Rua Professor Aristides Novis, na Federação, continuam sem o fornecimento regularizado. Enquanto nos bairros do Rio Vermelho e Centro o fornecimento de água está regularizado desde quarta-feira (6).

Conforme informações da Empresa Baiana de Águas e Saneamento (Embasa), após a prefeitura concluir o escoramento da tubulação, o abastecimento começou a ser normalizado gradativamente nesta quarta-feira (6) nos bairros Garcia, Federação, Rio Vermelho, Jardim Apipema, Graça, Vitória, Engenho Velho da Federação, Canela, Barra, Ondina, Calabar, Alto das Pombas, Tororó, Barris e Centro. A Embasa ressalta que, nesse período, adotou medidas mitigadoras e de contingência para não desabastecer por completo as localidades atingidas.

O funcionamento de uma tubulação de grande porte foi suspenso na Federação por motivo de segurança. A suspensão aconteceu na segunda-feira (4) após o deslizamento de parte do talude durante a execução da contenção com cortina atarantada realizada pela Superintendência de Obras Públicas (Sucop). "Com a implantação da estrutura de sustentação, foi possível retomar a operação dessa rede", diz trecho da nota.

Até que a situação seja completamente normalizada, o abastecimento está sendo complementado com o envio de carros-pipa, que são liberados prioritariamente para instituições de saúde.

A solicitação pode ser feita pelo www.atendimentovirtual.embasa.ba.gov.br ou pelo 0800 0555 195.

Impacto

Quem circulou pelas ruas da Graça, em Salvador, percebeu uma movimentação atípica de caminhões-pipa nesta quarta-feira (6). A interrupção do fornecimento de água foi realizado na última segunda-feira (4), mas foi na manhã de quarta-feira (6) que os moradores sentiram o impacto do problema causado pelos problemas apresentados numa tubulação na encosta do Alto da Bola, Federação.

De acordo com a síndica do edifício Vale das Margaridas, na rua Manoel Barreto, essa interrupção foi a primeira registrada no bairro em 2023. Os moradores do prédio conseguiram manter a rotina habitual até a madrugada desta quarta, quando a água reservada acabou. As principais queixas dos moradores foram em relação às dificuldades para cozinhar e tomar banho.

Na casa da estudante universitária Evilly Cabral, 26, o serviço foi interrompido na madrugada de segunda (4) para terça-feira (5), retornando, parcialmente no final da tarde de quarta, mais precisamente Pas 17h40. A jovem mora na rua Eulalio de Oliveira, na Federação, e teve que ir para a casa de um amigo, em outro bairro, para tomar banho.

"A falta de água impactou a minha rotina de muitas formas, desde o banho até a realização de atividades básicas, como lavar os pratos. Eu e os demais moradores da minha casa tivemos que ir para o trabalho sem tomar banho, por exemplo", afirma Cabral, que divide a residência com mais dois amigos.