‘Jesus também tinha 2 pais’, diz cartaz em defesa da adoção por casais gays

Campanha foi lançada nesta quinta-feira (26) para celebrar o fim da discriminação da lei de adoção

Publicado em 26 de fevereiro de 2016 às 10:40

- Atualizado há 10 meses

Um cartaz em defesa da adoção de crianças por casais gays tem provocado a ira de grupos religiosos e gerou polêmica em Portugal. O cartaz, distribuído pelo partido Bloco de esquerda, traz a imagem de Cristo com a frase: “Jesus também tinha 2 pais”.‘Jesus também tinha 2 pais’, diz cartaz sobre adoção (Foto: Reprodução)Segundo o jornal O Globo, a campanha foi lançada nesta quinta-feira (26) para celebrar o fim da discriminação da lei de adoção, aprovada pelo Parlamento no último dia 10.A deputada Sandra Cunha, do Bloco de Esquerda, defendeu em entrevista ao jornal “Público” que o cartaz com a imagem de Jesus Cristo não tem como objetivo ofender a Igreja Católica, mas de mostrar que “sempre existiram famílias diferentes”, e que essa não é uma realidade “nova, nem recente”. Ela disse que o cartaz se refere aos dois pais de Jesus, “o pai espiritual e o pai terreno”, José. Ela reconheceu que o pôster deve causar polêmica no país, mas disse que a discussão e reflexão sobre o tema são importantes.