Meninas de dois e cinco anos são estupradas por gangue na Índia

Ataques aconteceram em momentos e locais distintos

Publicado em 18 de outubro de 2015 às 23:07

- Atualizado há 10 meses

Duas crianças estão internadas na capital da Índia, Nova Déli, após terem sido estupradas na noite de sexta-feira (16).

A criança mais nova, de apenas dois anos, foi sequestrada em frente à sua casa, no subúrbio, durante um apagão que deixou a vizinhança no escuro durante algum tempo. A menina foi encontrada, três horas após o sequestro, sangrando num parque. Dois adolescentes foram presos, suspeitos de ter praticado o crime. Protesto após estupros de crianças (Foto: AFP)

A outra criança, de cinco anos de idade, sofreu um estupro coletivo praticado por pelo menos três homens. A polícia já apreendeu os suspeitos e descobriu o crime pois a criança voltou para casa em prantos. As duas meninas permanecem hospitalizadas e o quadro de saúde delas é estável.Neste sábado (17), em reunião com as famílias das vítimas, Arvind Kejriwal, o prefeito de Nova Déli, cobrou ação do governo da Índia. "Estupro repetido de menores é vergonhoso e preocupante. A polícia de Déli falhou completamente para fornecer segurança. O que o PM [primeiro-ministro] e seu LG [vice] estão fazendo?", publicou ele em sua conta oficial no Twitter.