Papa pede que israelenses e palestinos encerrem confronto

Bento XVI pediu que todos os fiéis rezem para que ofensiva termine

Publicado em 4 de janeiro de 2009 às 22:25

- Atualizado há 9 meses

O papa Bento XVI pediu que os confrontos que israelenses e palestinos que pensem em um jeito 'para pôr fim à trágica situação atual' na Faixa de Gaza. O papa falou para jornalistas e público na Praça de São Pedro, neste domingo (4).

'Rezemos para que o menino Jesus inspire as autoridades e aos responsáveis de ambas as frentes, israelenses e palestinos, a uma ação imediata para pôr fim à trágica situação atual', disse o papa.

Bento XVI pediu que todos os fiéis rezem para que a situação em Gaza se resolva e desejou 'que Deus abençoe com consolação, paciência e paz as vítimas, os feridos e todos aqueles que têm o coração partido, que vivem com a angústia e o medo'.

'A guerra e o ódio não são a solução dos problemas', disse o papa, lembrando de outros conflitos armados do século XX.

Veja também: