1ª etapa da requalificação da Guerreira Zeferina é entregue nesta sexta

salvador
05.04.2018, 19:30:00
Atualizado: 05.04.2018, 19:38:27
(Foto: Divulgação/PMS)

1ª etapa da requalificação da Guerreira Zeferina é entregue nesta sexta

Antes conhecida como Cidade de Plástico, comunidade terá 257 novos apartamentos

Em momentos como o que vivemos, o jornalismo sério ganha ainda mais relevância. Precisamos um do outro para atravessar essa tempestade. Se puder, apoie nosso trabalho e assine o Jornal Correio por apenas R$ 5,94/mês.

A primeira etapa da urbanização da Comunidade Guerreira Zeferina, antes conhecida como Cidade de Plástico, será entregue nesta sexta-feira (6), a partir das 10h, em cerimônia organizada pela Prefeitura. As ações no Subúrbio Ferroviário de Salvador envolvem, principalmente, a construção de um conjunto habitacional para abrigar 257 famílias.

A comunidade está localizada na Rua Engenheiro Agenor de Freitas, em Periperi (atrás da estação de trem). Segundo a prefeitura, este é o maior projeto social da atual gestão. O prefeito ACM Neto vai comandar a solenidade de inauguração, que faz parte das comemorações pelo aniversário de Salvador.

Com investimento de R$ 21 milhões oriundos de recursos do Município, o projeto engloba uma área de cerca de 20 mil metros quadrados, entre a via férrea e o mar. 

Na primeira etapa serão inaugurados 125 apartamentos em cinco blocos, além de equipamentos como a Escola Municipal Guerreira Zeferina, campo de futebol, miniquadra, seis boxes comerciais distribuídos em três quiosques, espaço de convivência e lazer, calçadão de acesso à praia, deck e estacionamento.

Como ficou
Como ficou (Foto: Divulgação/PMS)
Como era
Como era (Foto: Divulgação/PMS)

Histórico
O Conjunto Habitacional Guerreira Zeferina foi erguido em um local antes conhecido como Cidade de Plástico. Nele, as habitações eram construídas com materiais improvisados como madeira, lona e plástico, o que deu origem ao nome da localidade. 

A comunidade não tinha infraestrutura. Essa realidade começou a mudar agora, com a entrega dos primeiros apartamentos e ações de cunho social desenvolvidas na localidade. Há trabalhadores da obra, segundo a prefeitura, que serão futuros proprietários de alguns dos imóveis.

Foto: Divulgação/PMS

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas