5 eventos culturais e mensais para nunca perder em Salvador

vanessa brunt
03.04.2019, 06:32:00
Atualizado: 03.04.2019, 11:32:05

5 eventos culturais e mensais para nunca perder em Salvador

Quem é baiano sabe. A Feira da Cidade (@a_feira) é um sucesso que alegra diversos dos finais de semana de quem tem o oxente na ponta da língua. Além dela, o Coreto Hype (@coretohype), com os seus diversos eventos, também não deixa de estar na lista de muitos. E novidades que reúnem artes variadas para quem quer comprar e contemplar também não deixam de surgir, como é o caso Feira da Sé (@feiradase), que agora acontece mensalmente na capital

Mas, quais são as feiras não tão óbvias assim que também misturam artes variadas pela terra do dendê e que surpreendem com oficinas e outros quesitos? E, para além das feiras, quais os eventos culturais e artísticos que se repetem sem demoras na cidade?

Sua voz também nas artes

Para quem quer mostrar os próprios talentos ou apenas contemplar livros, apresentações de artistas ou produtos artesanais e retrôs, confira uma lista especial com (mais de) cinco indicações que vão desde clubes de livros até batalhas de poesias que se repetem quinzenalmente ou mensalmente em Salvador:

Sarau MAB (Foto: Divulgação)

1. MAB: Clube de Leitura e Sarau musical | Com dica extra de clube de leitura

• O Museu de Arte da Bahia (MAB) traz dois eventos fixos e mensais para incrementar a disseminação e reflexão artística. Um deles é o Sarau do MAB, que surgiu de um pequeno evento chamado Sarau do Piano, criado em 2017. 

Os encontros buscavam o resgate dos saraus de música, nas quais canções de diversos compositores, incluindo autorais dos artistas presentes, eram tocadas e debatidas em um bate-papo descontraído pelo grupo. 

Com foco nas músicas tocadas ao piano, em janeiro de 2018, o Sarau do Piano foi interrompido por problemas de manutenção no instrumento musical. Foi então que, buscando preservar a tradição, a família Dias de Moraes, organizadora do projeto anterior, procurou o Museu de Arte da Bahia para dar continuidade à ideia, agora incluindo diversos instrumentos.

Mesmo quem não deseja cantar ou recitar pode assistir ao projeto. E, para os que desejam mostrar a sua arte, basta entrar em contato pelas redes sociais (abaixo) ou verificar a possibilidade de um espaço ao conferir uma apresentação.

➨ Onde acompanhar? O evento, que ainda inclui, por vezes, variados recitais poéticos, pode ser acompanhado pelo Facebook , onde são anunciadas as próximas datas das reuniões. Pelo Instagram (@saraudomab), é possível conferir trechos das apresentações e acessar o YouTube do projeto, além de outras redes.
➨ Quanto custa a entrada? R$ 20 | R$ 10
➨ Onde comprar? Bilheteria do local ou site Sympla 
➨ Endereço: Av. Sete de Setembro, 2340 - Corredor da Vitória

Leia Mulheres de Salvador (Foto: Divulgação)

• Também no MAB, acontece o clube Leia Mulheres de Salvador, que surgiu em 2016 a partir de uma iniciativa homônima, em São Paulo. O evento, que também ocorre uma vez por mês, foi fundado pelas jovens Juliana Gomes, Michelle Henriques e Juliana Leuronth, todas na faixa dos 20 anos. As leitoras acompanhavam os grupos de outras cidades por redes sociais e verificaram que, na época, a iniciativa, que alcança mais de 100 locais hoje, ainda não existia Bahia. 

O clube tem como foco principal obras que trazem temas relevantes e pertinentes à mulher, como posicionamento em relação ao machismo e entendimentos do feminismo. Antes do início de cada novo mês é escolhido, por meio de votação, o próximo livro a ser devorado por todos os participantes do clube. 

Mas o objetivo não é somente que cada um, em sua casa, faça a leitura. As obras são selecionadas visando os debates presenciais, que podem também receber novos participantes (ainda que não tenham lido os livros) interessados em conhecer o grupo. No momento, são lidos trechos da obra escolhida e de outros livros compatíveis. São também compartilhadas experiências relacionadas às obras.

➨ Onde acompanhar? O evento ocorre em todos os últimos sábados do mês, às 14h30, com exceção dos meses de junho e dezembro. No mês de abril será lido o livro Diários, de Sylvia Plath (https://www.saraiva.com.br/diarios-de-sylvia-plath-1950-1962-9905153.html). Para acompanhar, basta acessar o Instagram do @leiamulheres_ssa  e o Facebook geral do projeto. A iniciativa nacional mantém, ainda, o site oficial: leiamulheres.com.br
➨ Quanto custa a entrada? As reuniões são gratuitas e abertas ao público.
➨ Endereço: Av. Sete de Setembro, 2340 - Corredor da Vitória

Outro garoto lendo (Foto: Divulgação)

➨ EXTRA: uma dica extra para quem quer buscar clubes com leituras mais gerais é acompanhar o Instagram do blog Outro Garoto Lendo (@blogoutrogarotolendo) que, uma vez por mês, faz reuniões em livrarias como Saraiva e Cultura para discutir obras de diferentes gêneros e temas.

 Feira de Artes, Cultura Vintage e Terapias (Foto: Divulgação)

2. Feira de Artes, Cultura Vintage e Terapias

Música, sebos, pintura, colecionismo, fotografia, antiguidades, brechós, terapias integrativas, objetos retrôs/vintage, vini e artesanato. A lista traz apenas algumas das opções possíveis de encontrar na Feira de Artes e Antiguidades de Salvador.

O projeto, que reúne as variadas artes para vendas em, pelo menos, um final de semana de cada mês, acontece há três anos sem pausas. "É um evento é para toda família. Nosso público é eclético e vai desde crianças que despertam curiosidade por brinquedos e peças antigos quanto adultos e jovens que são conectados à moda retrô e idosos apaixonados pelos itens vintage", conta Gau Ferreira, 35, organizadora do evento.

Incluindo, ainda, gastronomia para variados gostos, no mês de abril a feira acontece nos dias 05, 06 e 07. Dessa vez, a Retrôterapia chega ao Largo da Mariquita para uma edição especial da economia criativa que dissemina. 

Quem quer ser um expositor pode entrar em contato através do e-mail da organização da feira: feiradearteeantiguidades@gmail.com.

➨ Onde acompanhar? O projeto pode ser acompanhado através do Instagram (@feiradearteenatiguidades).
➨ Quanto custa a entrada? O evento tem sempre entrada franca.
➨ Endereço: Geralmente ocorre na Praça do Campo Grande, mas o local pode ser modificado em alguns meses ou dias extras com eventos especiais. 

3. BaZá RoZé | Feira de artes e oficinas

O projeto BaZá RoZê visa fortalecer o fazer artístico dentro do empreendedorismo criativo. A feira reúne iguarias, tatuagens, cortes de cabelo e diversos tipos de artes, focando nas artesanais. Roupas, joias e acessórios fazem parte das possibilidades para os visitantes. Além das vendas, o espaço ainda conta com dança, música e outros tipos de apresentações.

O evento, que é dito como feminista, busca deixar claro que está aberto para todos os públicos. "O RoZé é feito por mulheres ou por quem apoia as mulheres. Não é um movimento fechado apenas para elas, porque feminismo não é isso. São encontros afetivos e proporcionamos um espaço democrático que valoriza as diversidades.  Aqui valorizamos a arte feminista mesmo aquelas produzidas por homens", explica Brenda Medeiros, 44, organizadora da iniciativa. 

O projeto ainda conta com oficinas e rodas de conversa entre o público visitante e mulheres convidadas para tratar de temas que abrangem o universo feminino. 

Em geral, o RoZé se repete durante todo um final de semana de cada mês, porém, em alguns meses, existe a possibilidade de acontecer em apenas um dia do fim de semana.

Na próxima edição, o BaZá se une à Rua Livre (@rualivressa) – que fica como mais uma dica da lista – para uma edição especial. Nela, ambos se mesclam no Largo de Santo Antônio Além do Carmo, no Pelourinho, no dia 06 de abril, das 15h às 21h. 

➨ Onde acompanhar? O projeto pode ser acompanhado pelo Instagram (@bazaroze)
➨ Quanto custa a entrada? O público participa com uma contribuição consciente (um valor de escolha própria).
➨ Onde comprar? O pagamento deve ser feito na entrada do evento.
➨ Endereço: A feira acontece sempre na Casa Rosada (Travessa dos Barris, 30), ambiente feminista recém aberto que chega para abrigar várias propostas de arte, onde já vem acontecendo espetáculos performáticos, shows musicais, aulas de dança e capoeira. 

Sarau Porto dos Livros (Foto: Divulgação)

4. Sarau Porto dos Livros | Da poesia à música

Música, poesia, teatro e diversas expressões artísticas são mescladas no Porto dos Livros, sebo que disponibiliza mais de 15 mil livros, revistas, discos de vinil, CDs e DVDs. O local conta com uma vasta programação artística e cultural, incluindo shows de cantores do cenário baiano com constância, assim como o Sarau do Porto, evento que acontece quinzenalmente aos domingos.
O projeto reúne artistas independentes interessados em mostrar seus trabalhos, sejam poetas (que recitam suas obras), pintores, cantores, dançarinos ou outros profissionais e amadores. 

O sarau acaba sempre virando um bate-papo descontraído e, com entrada aberta para o público, fica livre para quem deseja fazer perguntas ou mostrar as suas próprias artes em algum momento final. 

➨ Onde acompanhar? O projeto pode ser acompanhado pelo Instagram do espaço (@portodoslivros)
➨ Quanto custa a entrada? R$ 10 (para quem assiste) | R$ 5 (para quem participa)
➨ Onde comprar? O pagamento deve ser feito na entrada do evento.
➨ Endereço: Porto dos Livros: Av. Sete de Setembro, 3564, Porto da Barra.

Sarau da Onça (Foto: Divulgação)

5. Sarau da Onça | Competição de poesias e exibição de artes

O Sarau da Onça é focado em abrir alas para que poetas, rappers, compositores e escritores mostrem os seus talentos, mas ele é feito, geralmente, de uma maneira diferenciada. Com o chamado de Slam da Onça, a proposta é uma competição de poesias, na qual, cada poeta deve recitar poesias autorais em três fases da competição.

A cada Slam, o vencedor leva para casa um prêmio diferente. No último, por exemplo, um dos ganhos foi um curso de francês na Aliança Francesa, totalmente gratuito.

Nos intervalos entre as fases da competição, o microfone é aberto para quem quiser mostrar as próprias artes. "Sempre temos espaço para pintores, atores e quem mais quiser apresentar o trabalho. Se for para apresentar algo, contanto que dure, no máximo, entre 10 e 15 minutos, ficamos disponíveis para receber", explica Sandro Sussuarana, 30, criador do projeto.

Além dos saraus, que também incluem momentos sem competições para os artistas, a o projeto conta com rodas de conversas que trazem temáticas relevantes para as minorias, com enfoque para a comunidade negra. "É um espaço que recebe públicos de todas as faixas etárias e estamos ali para isso, para agregar a qualquer um", conclui Sandro.

Apesar do evento acontecer quizenalmente, em maio e em novembro, ele se repete em todos os sábados do mês. 

➨ Onde acompanhar? O projeto pode ser acompanhado pelo Instagram do espaço (@saraudaonca) e pelo Facebook
➨ Quanto custa a entrada? A entrada é sempre gratuita
➨ Endereço: Cenpah: R. Albino Fernandes, 59 - Novo Horizonte.

Para quem está em busca de mais saraus, existem, ainda, outros vários na capital baiana, como o Nosso Sarau (@nossosarau.ssa), que acontece mensalmente no ICBA e o Sarauzim (@sarauzim.ssa), que acontece mensalmente no Rio Vermelho. O Som das Sílabas (@somdassilabas), que acontece em todas as segundas-feiras, é mais uma opção.


Relacionadas
Correio.play
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/cristiano-ronaldo-vira-meme-ao-protagonizar-comercial-asiatico/
Astro português aparece dançando e é ignorado por torcida na propaganda de TV
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/jota-quest-apresenta-turne-acustica-nesse-domingo-18-na-concha/
Show será a despedida do Saideira Acústico Tour em solo soteropolitano
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/ivan-da-ponte-descobre-em-aviao-que-foi-convocado-veja-video/
Goleiro foi avisado que estava na lista de Tite para a Seleção pelo piloto: 'Não dá nem para acreditar'
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/normani-ex-fifth-harmony-lanca-seu-primeiro-single-solo/
Motivation chegou na madrugada dessa sexta (16), e está disponível em todas as plataformas digitais
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/jumento-e-amarrado-em-caminhonete-e-arrastado-por-rua-de-barreiras/
Além de maus-tratos, motorista responderá também por insegurança viária
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/idoso-entra-em-coma-apos-levar-murro-no-rosto-de-ciclista-em-feira-de-santana/
Agressor foi à delegacia e apresentou relatório que comprova transtornos mentais
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/operacao-cumpre-19-mandados-de-prisao-na-ba-alvos-sao-do-pcc/
Segundo o Ministério Público, 12 foram presos no estado
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/tarantino-reune-brad-pitt-e-leo-dicaprio-em-filme-de-pouca-inspiracao/
'Era Uma Vez em... Hollywood' homenageia a indústria do cinema dos anos 60 e também a trágica e bela atriz Sharon Tate
Ler Mais