5 séries sobre casos reais chocantes para maratonar na Netflix

vanessa brunt
25.03.2020, 15:00:10
Atualizado: 25.03.2020, 15:46:42

5 séries sobre casos reais chocantes para maratonar na Netflix


Em momentos como o que vivemos, o jornalismo sério ganha ainda mais relevância. Precisamos um do outro para atravessar essa tempestade. Se puder, apoie nosso trabalho e assine o Jornal Correio por apenas R$ 5,94/mês.

The Crown, Narcos, Inacreditável e outros títulos são conhecidos pelo grande público por serem tramas da Netflix focadas em casos reais. Existem, porém, diversas outras produções repletas de detalhes sobre intensas situações verídicas e que também estão na plataforma para quem quer aproveitar uma maratona.

Confira dicas de minisséries ou séries que já tem suas histórias completas/finalizadas para quem quer dar o play no streaming sem que precise aguardar para saber como tudo termina. Apenas uma indicação da lista traz a pegada documental e todas as outras podem parecer ficção (com atores e cenas arrebatadoras) para quem não sabe dos fatos que estão por trás.

Crimes, injustiças, aprofundamentos psicológicos e diversas críticas sociais preenchem o compilado abaixo. Foram produções que me deixaram com sentimentos à flor da pele após o desfecho.

VEJA TAMBÉM: 5 cinebiografias pouco óbvias e que vão dar gás nos seus objetivos


1. MANHUNT: UNABOMBER

Theodore Kaczynski foi um terrorista doméstico americano, ex-professor de matemática e autor anarquista. Um prodígio da matemática, ele abandonou uma carreira acadêmica em 1969 para buscar um estilo de vida primitivo.

A série Manhunt apresenta a trajetória do agente do FBI Jim "Fitz" Fitzgerald, que participou da força-tarefa Unabom e precisou combater a burocracia da instituição enquanto trabalhava na caça de Theodore, que ficou também conhecido como Unabomber.

Com críticas sociais variadas e aprofundamentos psicológicos, a trama repleta de momentos eletrizantes chega a trazer algumas das mensagens possíveis de encontrar nas entrelinhas do filme Coringa (veja análise sobre o longa clicando aqui .

➨ Gênero: psicológico + suspense
➨ Quantidade de temporadas: 1 (com 8 episódios)
➨ Duração por episódio (média): 43 min
➨ Lançamento: 2017
➨ Nacionalidade: EUA
➨ Finalizada? Sim.

2. AMERICAN CRIME STORY (O Povo Contra O.J. Simpson | The Assassination of Gianni Versace)

Indicada ao Emmy e vencedora do Critics Choice como Nova Série Mais Emocionante, American Crime Story apresenta tramas baseadas em crimes reais que aconteceram nos Estados Unidos. A cada temporada um novo caso é contado através do universo ficcional, sem que se perca grande fidelidade aos acontecimentos.

A primeira temporada foca no caso do ex-jogador de futebol americano, Orenthal James “O. J.” Simpson, que foi acusado em 1994 de assassinar a esposa, Nicole Brown, e o amigo Ronald Goldman. A série explora o possível preconceito racial envolvido, questões machistas (como o pouco destaque social dado a agressões contra a mulher) e as manobras políticas conduzidas durante a investigação.

Uma dica que deixo é para que, após assistir a temporada, confira pela internet os vários vídeos dos momentos reais que foram utilizados como base pelos atores. Detalhe: nunca fiquei tão revoltada ao finalizar uma série na minha vida.

Na segunda temporada o foco é o assassinato de Gianni Versace, designer de moda italiano e fundador da marca Versace, uma das maiores do mundo no ramo. O formato da produção é bastante diferente da primeira, já que o público sabe quem é o assassino desde o primeiro episódio e a obra mergulha na mente do criminoso, exibindo todo o seu plano e fazendo um estudo da sua vida (bem como da de Gianni).

DICA EXTRA: para quem curtir a obra, outra dica é aproveitar para assistir a minissérie A Mente do Assassino: Aaron Hernandez, que também está disponível na Netflix.

➨ Gênero: drama + crime
➨ Quantidade de temporadas: 2
➨ Duração por episódio (média): 40 min (cada temporada em torno de 10 episódios)
➨ Lançamento: 2016
➨ Nacionalidade: EUA
➨ Finalizada? Cada temporada finaliza totalmente uma trama, mas a série está produzindo a 3ª temporada para contar um outro caso.

3. BANDIDOS NA TV

Única série documental desta lista (com imagens reais e sem atores), Bandidos na TV apresenta a história de Wallace Souza, apresentador de um programa sensacionalista que matou (literalmente) para aumentar a audiência, e usou o próprio espaço na TV para encobrir a verdade.

A produção traz debates profundos sobre a mídia, o que pode acabar também sendo cabível para discussões sobre as redes sociais e a tentativa de ganhar mais o público nelas (mais comentários e afins). A obra também serve para navegar em temas como o poder político e a criminalidade brasileira.

➨ Gênero: documental
➨ Quantidade de temporadas: 1 (7 episódios)
➨ Duração por episódio (média): 50 min
➨ Lançamento: 2019
➨ Nacionalidade: Brasil + Reino Unido
➨ Finalizada? Sim.

4. OLHOS QUE CONDENAM

A trama dolorosa de Olhos Que Condenam é sobre um caso dos Estados Unidos que aconteceu em 1989, mas, infelizmente, a realidade pode servir como espelho para diversos acontecimentos atuais e nacionais. A minissérie foi aclamada pela crítica e recebeu 16 indicações ao Emmy 2019, saindo vitoriosa nas categorias de Melhor Elenco em Série Limitada e Melhor Ator em Série Limitada ou Filme para Jharrel Jerome, responsável por dar vida ao personagem Korey Wise.

A obra apresenta a história de cinco jovens negros do Harlem que foram injustamente acusados de estuprarem uma mulher no Central Park. Com discussões sobre racismo, machismo e diversos preconceitos sociais, a produção expõe falhas da Justiça dos EUA em um dos mais polêmicos casos de erro judiciário de sua história.

➨ Gênero: drama
➨ Quantidade de temporadas: 1 (4 episódios)
➨ Duração por episódio (média): 1h
➨ Lançamento: 2019
➨ Nacionalidade: EUA
➨ Finalizada? Sim.

5. DIRTY JOHN

A série apresenta John Meehan, um enfermeiro anestesista que aparentava levar uma vida comum. A executiva Debra Newell viveu quatro casamentos e conhece o homem, abrindo seu coração para dar uma nova chance ao amor. O que ela não esperava era cair nas mentiras e manipulações do vigarista até sua vida entrar em colapso.

Apesar de Dirty John começar com um ritmo direto, objetivo e envolvente, a trama se perde um pouco a partir do quarto episódio, 'enchendo linguiça' e perdendo o compasso da excecução. Ainda assim, a produção continua interessante pelo caso real abordado e volta aos eixos no final.

O aprofundamento sobre relacionamentos abusivos e a noção de não culpar a vítima são alguns dos pontos primordiais que fazem a série ser relevante. Muitos chegaram a chamar a trama de uma 'You da realidade' (para quem não sabe, You é uma série de ficção da Netflix, que apresenta um stalker e serial killer que se envolve com uma mulher sem que ela consiga imaginar o que ele é capaz de fazer).

➨ Gênero: drama + suspense
➨ Quantidade de temporadas: 1 (8 episódios)
➨ Duração por episódio (média): 50 min
➨ Lançamento: 2018
➨ Nacionalidade: EUA
➨ Finalizada? A trama/história da 1ª temporada foi finalizada nela, mas a série já tem 2ª temporada confirmada para contar um outro caso.

EXTRA: além das tramas indicadas, outra boa pedida é a emocionante série documental The Story of Diana. Ela já foi indicada aqui na coluna. Para conferir detalhes (sem spoilers) basta clicar aqui

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas