A melhor luz para cada ambiente de casa

coronavírus
15.08.2020, 16:00:00
(Foto: Divulgação)

A melhor luz para cada ambiente de casa

Confira cinco modelos de luminárias e dicas para não errar ao escolher a sua iluminação

Em momentos como o que vivemos, o jornalismo sério ganha ainda mais relevância. Precisamos um do outro para atravessar essa tempestade. Se puder, apoie nosso trabalho e assine o Jornal Correio por apenas R$ 5,94/mês.

Toda casa tem aquele cantinho que necessita de um pouco mais de luminosidade, quando o brilho da fonte de luz natural não alcança os ambientes por inteiro. E não é difícil levar para dentro da residência essa luz que está faltando.

Existe  uma infinidade de modelos de luminárias que não vai deixar ninguém no escuro. O CORREIO percorreu algumas lojas especializadas e trouxe cinco opções, com preços que variam de R$ 129 a 
R$ 2.180 e proporcionam mais aconchego e conforto. 

Porém, se a grana está pouca para investir em uma luminária acionada por aplicativo, sensível ao toque, ou com um designer mais descolado, está tudo bem. Dá para gastar bem menos que isso,  usando alternativas como as fitas de luz de led autoadesivas, por exemplo.

Para escolher uma luminária, é preciso conhecer  três tipos de luz. Vamos lá: primeiro, a luz direita, que é quando a iluminação foca em alguma superfície, por isso ela é muito utilizada em escritórios, salas de estudo e leitura. Já a luz indireta espalha a iluminação para todo ambiente. É uma luz que cai bem no quarto ou na sala, quando colocada em detalhes no chão, gesso ou no forro. Em seguida, vem a luz difusa. Esta variação ilumina todo ambiente de forma igual, o que a torna indicada não só para salas, cozinhas e quartos, mas também para banheiros.

A designer de interiores e atual vencedora do melhor ambiente na categoria Quartos na América da última edição da Casacor Bahia, Dinah Lins, destaca que o importante é que a luz atenda a necessidade cada ambiente. 

“A luz ideal é aquela que está adequada à necessidade de cada rotina. Harmonizar o ambiente, valorizar cores e texturas. Não existe sensação melhor, que olhar a sua casa iluminada ou acender seu abajur ao anoitecer e sentir esta energia que vem da luz”, afirma Dinah.

Claridade
Na hora de optar por uma lâmpada para a luminária, a recomendação  é pela de led, ao invés das fluorescentes, por conta da emissão de radiação ultravioleta, como destaca o oftalmologista do Sistema Hapvida, Antônio Jordão. “A exposição muito prolongada pode aumentar a incidência de catarata, pterígio e problemas na retina. As de led não possuem essa  radiação e, além disso, são mais econômicas”.

Evite também, o reflexo da luz nas telas do computador e televisão, que, muitas vezes, passam despecebidos. Quem acrescenta é  o oftalmologista do Itaigara Memorial, Bruno Castelo Branco. “É iluminar sem ofuscar”, completa.


FICA A DICA

Luz natural Esse é o momento de olhar para a casa e ver se não tem nenhum móvel obstruindo a entrada de luz. A dica é da designer de interiores Jéssica Mendes (@superdecoracao). “Muitas vezes, existe ali, a lateral de uma armário, muito próximo à janela. Então, é tentar livrar tudo que barre esta fonte”, diz.

Criatividade Dá para criar um ambiente mais iluminado também com fitas de led autoadesivas. É possível encontrar um rolo por, no mínimo, R$ 10,70 (5 metros) e  espalhar luz pela casa inteira: “coloque embaixo do armário superior da cozinha para dar uma iluminada bacana na bancada, em cima da prateleira próxima a sua mesa de trabalho, do lado da cabeceira da cama. Tudo isso cria uma iluminação mais cênica e pontual no ambiente”.


DEIXE A LUZ ENTRAR

1. Abajur Toque-me Greece

(Foto: Divulgação)

A luminária custa R$ 139,90 e está à venda na loja Etna do Shopping Salvador (@salvadorshopping). O valor é parcelado no cartão em duas vezes.  O toque  permite controlar a intensidade da luz.


2. Pendentes antográficos

(Foto: Divulgação)

As luminárias estão disponíveis em várias cores e são vendidas na Ventana (@ventana_ms),  Caminho das Árvores. A peça custa R$ 2.180, dividido no cartão de crédito em até seis vezes sem juros.


3. Luminária Híbrida

(Foto: Divulgação)

Na loja online da Boombam Design (@_boobam_), a peça criada pelo designer Max Kampa é feita sob encomenda e entregue em até 30 dias. Também é possível customizá-la.  O valor custa R$ 750. A Boombam parcela a compra em até oito vezes.


4. Luminária Impulse

(Foto: Divulgação)

Permite o ajuste do ciclo de luz via aplicativo,  que determina a temperatura de cor de luz,  assim como sua intensidade. É possível encontrar o modelo na Luminata  (@lojaluminata), no  Caminho das Árvores, por R$ 467. O parcelamento é em até 4 vezes.


5. Arandela de alumínio Ibiza

(Foto: Divulgação)

Na Ferreira Costa da Paralela (@ferreiracosta), o item sai por R$ 129. O pagamento pode ser dividido em até 10 vezes no cartão de crédito, com parcelas mínimas de R$ 40. 


CADA COR EM SEU LUGAR

Segundo o professor de fitoterapia na Faculdade de Medicina da USP, Daniel Alan Costa


Azul ou violeta Luzes em cores frias induzem o sono, como azul e violeta. Porém, é o ambiente escuro o melhor para  dormir. 

Vermelho “Luzes vermelhas trazem ânimo, energia, vitalidade, combate a  pressão baixa,  impotência sexual, tristeza e depressão”, afirma. 

Laranja Entre as cores quentes é estimulante e o mais suave,  segundo o professor: “por isso,  a luz na cor laranja é a bem utilizada”.

Amarelo  Esta cor é para quem precisa manter  a concentração e o autocontrole. “ O amarelo combate a estafa mental”, completa. 

Verde  A luz na cor verde consegue melhorar a insônia, transtorno bipolar a falta de motivação. “Também pode ajudar crianças desatentas”.
 



***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas