Acusado de matar a ex a pauladas é preso horas após o crime

bahia
28.08.2017, 20:32:07
Atualizado: 28.08.2017, 20:38:49
(Divulgação)

Acusado de matar a ex a pauladas é preso horas após o crime

João Bonfim da Silva não aceitava fim da relação. Crime foi no interior da BA

Em momentos como o que vivemos, o jornalismo sério ganha ainda mais relevância. Precisamos um do outro para atravessar essa tempestade. Se puder, apoie nosso trabalho e assine o Jornal Correio por apenas R$ 5,94/mês.

João Bonfim da Silva, 42 anos, foi preso no domingo (27), horas depois de matar a ex-mulher, Graciela de Souza Dias, 21, em Jaguarari, na Bahia, segundo informações da Polícia Civil. João matou a ex a pauladas por não aceitar o fim do relacionamento. O crime aconteceu na Rua do Campo, no centro da cidade. 

Testemunhas afirmaram que Graciela teria dito que temia por sua vida e comentando que João estava rondando sua casa - inclusive no domingo. 

O suspeito foi levado à delegacia de Senhor do Bonfim, onde confessou o crime em depoimento. Ele foi autuado em flagrante por feminicíio e continua preso na unidade, à disposição da Justiça.

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas