Aeroporto de Salvador lança tecnologia para evitar aglomeração nos banheiros

coronavírus
14.08.2020, 15:53:00
Atualizado: 14.08.2020, 15:53:42
(Divulgação)

Aeroporto de Salvador lança tecnologia para evitar aglomeração nos banheiros

Veja como funciona o aviso para passageiros

Em momentos como o que vivemos, o jornalismo sério ganha ainda mais relevância. Precisamos um do outro para atravessar essa tempestade. Se puder, apoie nosso trabalho e assine o Jornal Correio por apenas R$ 5,94/mês.

O Aeroporto de Salvador lançou uma tecnologia para proteger seus clientes e evitar que um deles entre no banheiro quando o local estiver lotado. O objetivo é reduzir o fluxo e evitar aglomeração dentro de um ambiente fechado, o que contribui para a contaminação pelo novo coronavírus.

Batizada de 'Banheiro 3.0', a novidade conta com um sensor de movimento para monitorar a ocupação das cabines do banheiro e indica se o usuário pode entrar ou se deve aguardar para entrar no espaço. A inovação tecnológica foi desenvolvida pelo Salvador Bahia Airport, que administra o aeroporto soteropolitano, e está disponível na frente dos banheiros do Terminal de Passageiros, onde há maior circulação de pessoas.

Uma tela na entrada do banheiro monitora, em tempo real, a ocupação do local, que pode ser classificada como baixa, média ou máxima. Quando 80% das cabines estão ocupadas, um sinal vermelho acende e indica que o usuário deve aguardar do lado de fora.

Além de proteger os clientes, a tecnologia ajudará o aeroporto a identificar os horários de pico de uso e necessidade de higienização.   

A primeira etapa de implantação já foi concluída, com a instalação da tecnologia em dez conjuntos sanitários. “Estamos sempre em busca de soluções para tornar nossa operação mais segura e confortável para nossos passageiros e demais usuários”, aponta Yann Le Bihan, diretor técnico do Salvador Bahia Airport.  

Além do Banheiro 3.0, o Aeroporto de Salvador adotou outras medidas para aglomerações, como a marcação da distância de segurança nos pontos de fila, bloqueio parcial de assentos, indicação do distanciamento e do limite da capacidade de elevadores e escadas rolantes, além da divisão de voos entre os dois píers nos horários de pico.  

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas