Após 9 meses, Terreiro de Jesus é entregue com novo chafariz

salvador
07.06.2019, 21:41:00
Atualizado: 07.06.2019, 23:01:40
(Foto: Betto Jr./CORREIO)

Após 9 meses, Terreiro de Jesus é entregue com novo chafariz

Requalificação custou R$ 1,4 milhão e inclui nova iluminação cênica e novo mobiliário urbano

Em momentos como o que vivemos, o jornalismo sério ganha ainda mais relevância. Precisamos um do outro para atravessar essa tempestade. Se puder, apoie nosso trabalho e assine o Jornal Correio por apenas R$ 5,94/mês.


Já não era sem tempo. Por pouco não completou 70 anos desde a última requalificação do Largo do Terreiro de Jesus, no Centro Histórico de Salvador. A praça, localizada no coração do Pelourinho, é uma das mais importantes da cidade e, para os turistas, parada quase obrigatória. 

O equipamento, bem em frente à Catedral Basílica da capital, foi entregue aos soteropolitanos na noite desta sexta-feira (7), após passar nove meses sob intervenções - que vão desde a iluminação até a mobília. O chafariz, no centro da praça, anunciava as mudanças ali. É que o equipamento, do século 19, não funcionava há dez anos.

A obra no local, tombado pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan), custou cerca de R$ 1,4 milhão. Essa é a segunda requalificação realizada no Terreiro de Jesus desde a década de 50, quando passou por uma reforma idealizada pelo arquiteto e paisagista Roberto Burle Marx.  Agora, tem arborização, iluminação em LED e, ainda, paisagismo.

O novo piso foi um dos pontos destacados pelo secretário municipal de Cultura e Turismo, Cláudio Tinoco, que lembrou o dia em que, em setembro, o prefeito ACM Neto assinou a ordem de serviço do equipamento, inaugurado ao som da banda de percussão do Projeto Axé.

Chafariz estava parado há dez anos  (Foto: Betto Jr.CORREIO)

“Nossa intenção é que as pessoas entendam a grandiosidade de tudo isso. As pedras [portuguesas], elas vieram de muito longe, tiveram que ser testadas com todo cuidado para que pudéssemos reabrir com toda a beleza”, afirmou Tinoco, acrescentando que o projeto foi criado e coordenado pela Fundação Mário Leal Ferreira (FMLF).

‘Mais bonito do que nunca’
Quem vive ou trabalha na região não só aprovou a reestruturação do Terreiro de Jesus, como também aposta que os turistas, ao conhecerem o local, vão retornar. Antes mesmo de nascer, a ambulante Eliana Aragão, 29 anos, já tinha uma relação com o lugar.

 A mãe dela, também vendedora ambulante, passou metade da vida sobre a banca de salgados instalada no Terreiro, incluindo o período de gestação. O ponto, que passou para Eliana logo que completou a maioridade, ficou parado durante os meses de obra. A pausa, entretanto, era “mais que necessária”, garante Eliana, que participou da inauguração.

“O movimento caiu muito durante esse tempo, mas nós entendemos que era para o melhor do Pelourinho e também o melhor para a gente, que agora temos um lugar muito mais bonito para trabalhar. Estamos muito felizes”, afirmou a vendedora, que mora no Centro Histórico.

Reforma ficou pronta em nove meses (Foto: Betto Jr./CORREIO)

Na hora de eleger o que mais gostou da ‘nova cara’ do lugar, ficou indecisa. “Muito difícil! Tudo lindo, não sei o que gostei mais. Bancos, luzes, plantas, tudo muito bonito. Agora é cuidar do patrimônio para que o turista venha, e volte”.

Segundo o prefeito ACM Neto, há a intenção de ordenar os vendedores que, assim como Eliana, antes trabalhavam na praça. "De um lado, existe nós, da prefeitura, que temos a obrigação de garantir o o ordenamento do espaço público e, do outro, as pessoas de bem que utilizam do lugar para trabalhar e ganhar o pão. Eu queria dizer que nós estamos do mesmo lado", garantiu Neto, ao comentar que os vendedores serão reorganizados.

Ocupação 
Embora a parte visual seja a mais elogiada por quem conhece bem o local, o prefeito ACM Neto afirmou que a intervenção é, especialmente, uma tentativa de ocupar o Pelourinho. 

"Não estamos falando apenas de uma obra que traz o embelezamento, mas estamos pensando também na ocupação do Centro Histórico, que, infelizmente, ainda é visto com preconceito por muitos moradores de Salvador, inclusive das regiões próximas", disse.

Neto também comentou que a ideia é que todas as secretarias da prefeitura passem a funcionar na região até 2020. "Em nenhuma outra capital do Brasil, há um Centro Histórico rico como o de Salvador. Nós temos aqui, além do próprio Terreiro, a vista da Catedral Basílica, da Igreja de São Domingos, da Igreja de São Pedro dos Clérigos, é impossível não se orgulhar de ser baiano".

Orgulho é o sentimento que contempla, também, um dos mais velhos comerciantes do Pelourinho, Clarindo Silva, que está à frente do restaurante Cantina da Lua há 48 anos. "Isso é uma realização e, mais que isso, significa o resgate de nossa história, para ser contada não só aos turistas, mas também aos baianos que não conhecem a Bahia. Antes de ser bom para quem é de fora, tem que ser bom para nós", comentou ele. Clarindo também afirmou que a maior preocupação é que as pessoas "preservem e cuidem do lugar", que é "onde bate o coração do Pelourinho".

Praça fica em frente à Catedral Basílica de Salvador (Foto: Betto Jr./CORREIO)

Intervenções
Secretário de Infraestrutura e Obras Públicas, Bruno Reis classificou a inauguração do local como "um momento histórico para Salvador", porque é de onde parte a energia que "irradia toda a capital". "Todas as obras da prefeitura têm o objetivo de gerar emprego e renda para a população. Queremos atrair recursos para o Centro Histórico, que é o coração da cidade", disse.

"Aqui, no terreiro, recuperamos a pavimentação, as pedras, os jardins e o monumento em homenagem à deusa Ceres. Trabalhamos na iluminação para que tudo ficasse alinhado ao ambiente de um dos lugares mais bonitos do mundo", destacou, ao comentar que a preocupação do prefeito ACM Neto era concluir a obra até o início da Copa América, na próxima semana.

Bruno comentou, ainda, sobre a reintrodução do canteiro, com planto de espécies herbáceas e arbustivas, seguindo o projeto original, além do resgate da massa arbórea proposta originalmente, proporcionando considerável aumento de área sombreada.

(Foto: Betto Jr./CORREIO)
(Foto: Betto Jr./CORREIO)
(Foto: Betto Jr./CORREIO)
(Foto: Betto Jr./CORREIO)
(Foto: Betto Jr./CORREIO)

Outras ações
Segundo a prefeitura, a região do Centro Histórico tem sido alvo de um conjunto de iniciativas que tem como principal objetivo a reocupação. No Comércio, já foram entregues a nova Praça da Inglaterra, além do Hub Salvador. 

Na mesma região, estão em andamento as obras de requalificação da Rua Miguel Calmon, Praça Cairu e da Praça Marechal Deodoro. O Comércio vai ganhar, ainda, o Polo de Economia Criativa, além da recuperação do Elevador do Taboão, que não funciona há mais de 50 anos e já teve as obras iniciadas.

A prefeitura também destacou a revitalização da Avenida Sete de Setembro, Praça Castro Alves e Mercado de São Miguel (Baixa dos Sapateiros).  Estão previstas reformas nos terminais rodoviários da Barroquinha e do Aquidabã, além da Rua Cônego Pereira já está em andamento. 

A lista de ações no Centro Histórico contempla a reforma da muralha do frontispício e dos arcos da Ladeira da Montanha, que, de acordo com a prefeitura, serão autorizadas, e a implantação do Museu da Música e do Arquivo Público Municipal, no Comércio. Ao todo, as intervenções somam R$ 360 milhões e fazem parte do programa Salvador 360.

***

O CORREIO entende a preocupação diante da pandemia do novo coronavírus e que a necessidade de informação profissional nesse momento é vital para ajudar a população. Por isso, desde o dia 16 de março, decidimos abrir o conteúdo das reportagens relacionadas à pandemia também para não assinantes. O CORREIO está fazendo um serviço de excelência para te manter a par de todos os últimos acontecimentos com notícias bem apuradas da Bahia, Brasil e Mundo. Colabore para que isso continue sendo feito da melhor forma possível. Assine o jornal.


Relacionadas
Correio.play
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/copo-de-leite-faz-haddad-acusar-bolsonaro-de-brindar-supremacistas-brancos-entenda/
Leite tem sido usado como símbolo por neonazistas nos EUA; petista enxergou provocação após repercussão de mortes de homens negros. Presidente nega
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/anastacia-comemora-80-anos-com-muito-forro/
Cantora e compositora lança EP com produção de Zeca Baleiro e parcerias com Mariana Aydar, Chico César e Amelinha
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/nizan-guanes-vai-entrevistar-roberto-medina-abilio-diniz-e-washington-olivetto/
As entrevistas são parte do Sunday Night Live que o publicitário tem realizado em sua conta do Instagram
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/luiz-caldas-substitui-sanfona-por-guitarra-em-disco-de-forro/
Álbum é o centésimo em projeto do músico que prevê um lançamento temático por mês
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/youtuber-compra-mansao-de-r-65-milhoes-apenas-para-gravar-videos/
Camila Loures disse que seguirá morando em sua antiga residência
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/daniela-faz-live-nesta-sexta-feira-29-com-transmissao-no-multishow/
Apresentação da cantora será em casa e terá clássicos como O Canto da Cidade, além de canções novas
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/na-frente-do-stf-bolsonarista-sara-winter-xinga-moraes-e-ameaca-persegui-lo-assista/
Alvo de operação da PF contra rede de fake news, ativista convocou manifestantes para acampar na frente da casa de ministro do Supremo
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/duster-2021-veja-tudo-que-mudou-no-suv-da-renault/
Jornalista automotivo testou o modelo e apresenta suas impressões
Ler Mais