Apresentado, Rodrigão relembra quando subiu em muro para ver o Bahia jogar

e.c. bahia
07.07.2017, 15:56:00
Atualizado: 07.07.2017, 17:52:07

Apresentado, Rodrigão relembra quando subiu em muro para ver o Bahia jogar

Atacante, natural de Belmonte, viu o tricolor vence a seleção de sua cidade por 6x0 em 2007; ele já se coloca à disposição para atuar domingo (9), contra o Fluminense

Em momentos como o que vivemos, o jornalismo sério ganha ainda mais relevância. Precisamos um do outro para atravessar essa tempestade. Se puder, apoie nosso trabalho e assine o Jornal Correio por apenas R$ 5,94/mês.

O atacante Rodrigão só foi apresentado nesta sexta-feira (7) no Bahia, mas sua ligação com o Esquadrão é bem antiga. "Eu que decidi vir pro Bahia. Meu meu pai torce pro Bahia, quero chegar aqui e realizar um bom trabalho", contou o atleta, que estava no Santos e vem com contrato de empréstimo até o final deste ano. 

Rodrigão chega por empréstimo até o final do ano (Foto: Felipe Oliveira/ECBahia/Divulgação)

Natural de Belmonte, no Extremo Sul do estado, Rodrigão lembra da partida que o tricolor jogou em sua cidade, em 2007, às vésperas do começo da disputa da Série C daquele ano. Contra a seleção local, o Bahia venceu por 6x0, com gols de Emerson Cris, Inho Baiano, Danilo Gomes (2), Ávine e Amauri. 

"Tava assistindo o Bahia de cima do muro. Pra você ver como o mundo da bola dá voltas. Agora eu estou aqui", relembrou o jogador de 23 anos. "Tive um amigo meu que jogou no Bahia, Fafá, que até perdeu um pênalti. Aquilo ali era incrível. o sonho de todo garoto é ser profissional".

Ele vai atuar com a camisa 39 e garante que está pronto para atuar, inclusive, na partida de domingo (9), às 16h, contra o Fluminense. "Se depender de mim, estarei em campo para defender as cores do Bahia", diz Rodrigão, que depende da documentação para ter condições legais de jogar.


***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas