Arte e escolha

césar romero
18.05.2020, 20:34:00
Atualizado: 18.05.2020, 20:51:29

Arte e escolha


Em momentos como o que vivemos, o jornalismo sério ganha ainda mais relevância. Precisamos um do outro para atravessar essa tempestade. Se puder, apoie nosso trabalho e assine o Jornal Correio por apenas R$ 5,94/mês.


A escolha para ser um artista plástico, parece fácil. É só ter pendores pelo desenho, colorir e copiar a natureza. Mas não é isso que faz um artista. Pode até se tornar um pintor, com recursos técnicos, mas não basta. O que vale é a criação de uma digital, intransferível, uma inventiva poderosa que dá ao autor um poder de originalidade, mesmo com influências de outros artistas ou escolas.

O artista tem sempre algo a mais para dar, que só ele é capaz. Algo que venha de sua vida instintiva profunda, da sua essência, no contínuo processo de experimentações, resolvendo equações visuais. Exige ânimo, empenho, vontade, ver o que não foi visto, mesmo que o tema seja de extrema visibilidade. O artista vê o “invisível” das coisas. Um fazer continuado depois da descoberta da fonte, que deve ser revisada no poder das transfigurações.

Para ter um poder único de imagens, não são necessárias, a cultura culta, os cursos, os mestres. O essencial é a inteligência visual, o poder de improviso que a experiência dá o senso de observação, os deslocamento e reagrupamento das linhas, das formas e das cores. Exemplos disso: Henri Rousseau (1844–1910); Alfredo Volpi (1896–1980); Arthur Bispo do Rosário (1911–1988); Adelina Gomes (1916–1984); Antonio Poteiro (1925–2010) e Mestre Vitalino (1909–1963). Estes artistas tinham poderosa intuição.

Geralmente, os artistas de grande cultura, de formação em escolas refinadas, se tornam reféns das suas teorias e na prática perdem a naturalidade, o ser espontâneo e isso os prendem no fazer. Deveriam deixar aos críticos de arte as análises fundamentadas. Ter acompanhamento crítico. Não aqueles “críticos” que descrevem as obras como dever de casa, frases chavões e sem identidade com o trabalho do artista e que servem para todos. É só mudar o nome do artista e da exposição. É complexo falar de artistas e críticos, é como Teoria Literária, cada um tem “seu achado” e questões mais aprofundadas muitas vezes ficam ao largo.

Uma coisa que o artista e o crítico sofrem é a dificuldade financeira. Não se conhece no Brasil nem artista, nem crítico que tivesse ficado rico no exercício estrito de suas escolhas. Alguns vivem bem de suas produções e outros têm que ter fontes alternativas de renda, como ensinar em escolas e universidades quando tem habilitação, fazer palestras, seminários, escrever livros, fazer logomarcas, trabalhar em agências de publicidade, pesquisas, curadorias, produzir eventos ligados à arte, juris de Salões Oficiais, cursos de arte, atuar em galerias e seus produtos. É sofrido não se poder viver exclusivamente da escolha principal.

Obra de Mestre Vitalino
Obra de Mestre Vitalino (Divulgação)
Obra de Mestre Vitalino
Obra de Mestre Vitalino (Divulgação)
Obra de Mestre Vitalino
Obra de Mestre Vitalino (Divulgação)
Obra de Mestre Vitalino
Obra de Mestre Vitalino (Divulgação)

***

O CORREIO entende a preocupação diante da pandemia do novo coronavírus e que a necessidade de informação profissional nesse momento é vital para ajudar a população. Por isso, desde o dia 16 de março, decidimos abrir o conteúdo das reportagens relacionadas à pandemia também para não assinantes. O CORREIO está fazendo um serviço de excelência para te manter a par de todos os últimos acontecimentos com notícias bem apuradas da Bahia, Brasil e Mundo. Colabore para que isso continue sendo feito da melhor forma possível. Assine o jornal.


Relacionadas
Correio.play
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/bau-de-marrom-a-bahia-tambem-ensina-ao-mundo-como-cantar-e-dancar-forro/
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/copo-de-leite-faz-haddad-acusar-bolsonaro-de-brindar-supremacistas-brancos-entenda/
Leite tem sido usado como símbolo por neonazistas nos EUA; petista enxergou provocação após repercussão de mortes de homens negros. Presidente nega
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/anastacia-comemora-80-anos-com-muito-forro/
Cantora e compositora lança EP com produção de Zeca Baleiro e parcerias com Mariana Aydar, Chico César e Amelinha
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/nizan-guanes-vai-entrevistar-roberto-medina-abilio-diniz-e-washington-olivetto/
As entrevistas são parte do Sunday Night Live que o publicitário tem realizado em sua conta do Instagram
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/luiz-caldas-substitui-sanfona-por-guitarra-em-disco-de-forro/
Álbum é o centésimo em projeto do músico que prevê um lançamento temático por mês
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/youtuber-compra-mansao-de-r-65-milhoes-apenas-para-gravar-videos/
Camila Loures disse que seguirá morando em sua antiga residência
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/daniela-faz-live-nesta-sexta-feira-29-com-transmissao-no-multishow/
Apresentação da cantora será em casa e terá clássicos como O Canto da Cidade, além de canções novas
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/na-frente-do-stf-bolsonarista-sara-winter-xinga-moraes-e-ameaca-persegui-lo-assista/
Alvo de operação da PF contra rede de fake news, ativista convocou manifestantes para acampar na frente da casa de ministro do Supremo
Ler Mais