Bahia abrirá novos leitos de UTI após doação de mil colchões hospitalares

coronavírus
26.05.2020, 17:15:00
Atualizado: 26.05.2020, 17:15:25
(Arisson Marinho/CORREIO)

Bahia abrirá novos leitos de UTI após doação de mil colchões hospitalares

Iniciativa partiu das empresas Dow e Ortobom

Em momentos como o que vivemos, o jornalismo sério ganha ainda mais relevância. Precisamos um do outro para atravessar essa tempestade. Se puder, apoie nosso trabalho e assine o Jornal Correio por apenas R$ 5,94/mês.

Um ato de solidariedade permitirá que a Bahia abra novos leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) para pacientes infectados pelo novo coronavírus. Nesta terça-feira (26), a empresa Dow e a fabricante de colchões Ortobom se uniram e doaram mil colchões hospitalares à Secretaria da Saúde do Estado (Sesab).

O material foi entregue na Arena Fonte Nova, que abriga um hospital de campanha na capital e abrirá novos leitos, mas parte dele também será distribuído para outras unidades de saúde do interior do estado.

“Nós estamos abrindo novos leitos em toda a Bahia. Na próxima semana nós já vamos abrir 240 leitos no Hospital de Campanha Arena Fonte Nova e o restante será distribuído para nossas unidades no interior. Ao todo, estamos abrindo 1,4 mil novos leitos de UTI em todo o estado”, explicou o secretário estadual da Saúde, Fábio Vilas-Boas.

Colchões equiparão novos leitos de UTI da Fonte Nova e de hospitais do interior do estado
(Foto: Arisson Marinho/CORREIO)

Segundo o diretor comercial do negócio de Poliuretanos da Dow para a América Latina, Leonardo Censoni, a ação reforça o compromisso da empresa com a sociedade. “Faz parte de uma campanha realizada pela empresa ‘Estamos mais JUNTOS do que nunca #DowStrong’, em todos os países onde atuamos. No Brasil, a campanha reúne um conjunto de ações implementadas pela Dow, com distribuição de álcool em gel, cestas básicas, vales refeição e produtos de higiene para cooperativas e projetos sociais. O investimento inicial é de R$ 2,5 milhões.

Para o diretor-geral da Ortobom, Fernando Correia, o momento é de apoio e solidariedade. “Por isso nós nos unimos à nossa parceira Dow, para enfrentar um momento tão crítico em todo o mundo. Para a doação no estado da Bahia, produzimos os colchões levando em conta todas as especificações técnicas hospitalares, além de entregar mais três mil colchões hospitalares para outros estados. Esses colchões são produzidos com espuma selada e revestidos com material higienizável, lavável. Neste momento é muito importante que estejamos juntos no combate à covid-19. Já são cerca de R$ 1,5 milhão investido pela companhia no combate ao coronavírus em todo o Brasil”, disse.

Segundo a Sesab, atualmente a Bahia conta com 1.192 leitos ativos do Sistema Único de Saúde (SUS) exclusivos para a covid-19. O planejamento é que esse número chegue a quase 3 mil, que serão implantados progressivamente, de acordo com a demanda. 

Pessoas físicas ou jurídicas interessadas em fazer doações para equipar hospitais públicos do estado devem enviar um e-mail para doacoes@saude.ba.gov.br ou acessar o site www.saude.ba.gov.br para obter as informações. 

Salvador Unida
O Correio está reunindo exemplos de ações sociais, conteúdos de diversão para a criançada, programações musicais online, cursos, e tudo o que possa ajudar a trazer mais leveza para esse período de isolamento social. Confira.

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas