Bahia encaminha a contratação do lateral direito Marcinho

e.c. bahia
01.08.2022, 07:00:00
Marcinho ganhou destaque pelo Botafogo, quando chegou à Seleção Brasileira (Foto: Vitor Silva/SSPress/Botafogo)

Bahia encaminha a contratação do lateral direito Marcinho

Jogador, que responde a processo criminal, está treinando na Cidade Tricolor

O Bahia encaminhou a contratação do lateral direito Marcinho. O jogador de 26 anos vai defender o Esquadrão na Série B do Brasileirão. Marcinho já está treinando na Cidade Tricolor e será anunciado oficialmente pelo clube. Após a regularização, ele ficará disponível para o técnico Enderson Moreira. 

Com passagem pelas categorias de base de Flamengo e Botafogo, Marcinho se profissionalizou pelo alvinegro, clube que defendeu entre 2016 e 2020. O bom momento na equipe carioca fez o lateral ser convocado por Tite para a Seleção Brasileira em 2019. No ano passado, ele atuou pelo Athletico-PR. 

O jogador está sem clube desde abril deste ano, quando rescindiu o contrato com a equipe paranaense. Ele foi afastado do elenco rubro-negro em fevereiro, após cometer um pênati pela Copa Sul-Americana. 

No Bahia, Marcinho chega para tentar resolver o problema da lateral direita. Contratado no início da temporada, Jonathan não conseguiu se firmar e deixou o clube no mês passado. Atualmente, o garoto André, de apenas 18 anos, é o titular da posição. Reserva, Douglas Borel tem 20 anos e também está no primeiro ano como profissional. 

Em imagem embaçada, Marcinho aparece ao fundo treinando no CT Evaristo de Macedo (Foto: Felipe Oliveira/EC Bahia)

Com a chegada do lateral, o Bahia sobe para quatro o número de contratações durante a janela de transferências do segundo semestre. Antes dele foram anunciados os atacantes Jonathan Copete e Igor Torres, e o zagueiro Gabriel Noga. 

CAMPANHA CONTRA
Antes mesmo da contratação, o nome de Marcinho não foi bem recebido por parte da torcida do Bahia. Nas redes sociais, torcedores fizeram campanha contra o jogador. O principal motivo é o processo criminal que o atleta responde pelo atropelamento de um casal de professores. O caso aconteceu em 30 de dezembro de 2020, no Rio de Janeiro. 

No inquérito, Marcinho é acusado de homicídio culposo (quando não há intenção de matar). De acordo com o processo, após atropelar o casal, o jogador não prestou socorro. Ele assumiu que estava na direção do veículo e que fugiu do local. 

Em junho de 2021, Marcinho fez um acordo de indenização para os herdeiros das vítimas. O atleta pagará R$ 200 mil aos quatro netos menores de idade (R$ 50 mil para cada). O jogador tem um acordo extrajudicial com outros cinco parentes maiores de idade - os valores não foram divulgados.

Recentemente, o jogador foi apontado em uma foto postada no CT Evaristo de Macedo. Na imagem embaçada não é possível confirmar a identidade do atleta, mas foi o suficiente para causar protestos nas redes sociais. Torcedores subiram a campanha #Marcinhonão. O CORREIO apurou que é realmente Marcinho quem aparece na foto.

Antes de acertar com o Bahia, Marcinho foi anunciado como reforço do Pafos, do Chipre. A negociação não avançou, pois o lateral está impedido de deixar o Brasil por conta do processo criminal. 

***

Em tempos de desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informações nas quais você pode confiar. E para isso precisamos de uma equipe de colaboradores e jornalistas apurando os fatos e se dedicando a entregar conteúdo de qualidade e feito na Bahia. Já pensou que você além de se manter informado com conteúdo confiável, ainda pode apoiar o que é produzido pelo jornalismo profissional baiano? E melhor, custa muito pouco. Assine o jornal.


Relacionadas