Bahia estuda jogar sem torcida na Fonte Nova para evitar prejuízo

e.c. bahia
23.01.2022, 18:42:00
Por conta de limite de público, Bahia pensa em jogar com portões fechados (Foto: Felipe Oliveira/EC Bahia)

Bahia estuda jogar sem torcida na Fonte Nova para evitar prejuízo

Decreto do governo limita capacidade do estádio em 1.500 torcedores

O Bahia pode voltar a jogar sem a presença da torcida no estádio. O tricolor estuda não abrir a Fonte Nova durante as partidas enquanto estiver em vigor o decreto do governo do estado que limita em apenas 1.500 pessoas a capacidade dos estádios. A informação foi inicialmente divulgada pelo site Globo Esporte e confirmada pelo CORREIO. 

Nesta segunda-feira (24), o tricolor tem uma reunião com a Fonte Nova para discutir o assunto. O Esquadrão entende que terá prejuízos se abrir o estádio para um público máximo de 1.500 torcedores. O decreto começa a valer nesta segunda-feira e vai até o dia quatro de fevereiro. 

Na partida contra o Unirb, na última quarta-feira (19), quando apenas 973 torcedores acompanharam o empate por 1x1, o Esquadrão amargou prejuízo de R$ 68.643,28, de acordo com o boletim financeiro da partida. Na ocasião, a capacidade máxima permitida no estádio era de 3 mil pessoas.

O Bahia calcula que teria um gasto de R$ 100 mil apenas para receber os 1.500 autorizados em cada jogo. Desde que a capacidade da Fonte Nova foi reduzida, apenas sócios com acesso garantido têm acesso às partidas.  

No acordo que possui com a Fonte Nova, caso o duelo não tenha público, o estádio fica responsável por bancar o custo da operação. Se o número de torcedores presentes for  entre 1 e cerca de 20 mil (50% da capacidade), o custo fica com o Esquadrão. Acima de 20 mil pessoas, o valor é dividido entre o tricolor e a Arena. 

O próximo compromisso do Bahia na Fonte Nova será nesta quarta-feira (26), quando recebe o Doce Mel, às 19h15, pela terceira rodada do Campeonato Baiano. O jogo vai marcar a estreia do time principal na temporada.

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas