Bahia fica no pote 2 em sorteio da Sul-Americana; veja possíveis adversários

e.c. bahia
08.04.2021, 09:00:00
Atualizado: 09.04.2021, 13:16:29
Sorteio que definirá os grupos da Copa Sul-Americana será realizado nesta sexta-feira (9) (Conmebol/Divulgação)

Bahia fica no pote 2 em sorteio da Sul-Americana; veja possíveis adversários

Grupos da segunda fase do torneio serão definidos nesta sexta-feira

Em momentos como o que vivemos, o jornalismo sério ganha ainda mais relevância. Precisamos um do outro para atravessar essa tempestade. Se puder, apoie nosso trabalho e assine o Jornal Correio por apenas R$ 5,94/mês.

De olho no sorteio desta sexta-feira (9), que vai definir os grupos da Copa Sul-Americana de 2021, o Bahia já sabe que ficará no pote número 2. O critério para a divisão é o ranking da Conmebol, no qual o tricolor ocupa a 67ª posição.

As 32 equipes participantes da fase de grupos serão divididas antes do sorteio em quatro potes, de modo que cada um dos oito grupos terá um time de cada pote. E pelo regulamento, times do mesmo país não podem ficar no mesmo grupo.

Assim, o Bahia já sabe que, do pote 1, que tem os melhores ranqueados, poderá enfrentar: Independiente (ARG), Lanús (ARG), Rosário Central (ARG), Newell's Old Boys (ARG), Emelec (EQU) ou Jorge Wilstermann (BOL). Corinthians e Athletico-PR também serão cabeças de chave, mas estão fora do caminho tricolor por serem brasileiros.  

No pote 2, também estão definidas as presenças de Palestino (CHI), Tolima (COL), Arsenal de Sarandí (ARG), Melgar (PER), La Equidad (COL), Huachipato (CHI) e Sport Huancayo (PER). Os últimos classificados foram conhecidos na noite de quarta-feira. Nenhum ficará no grupo tricolor.

Do pote 3, pode vir: Talleres (ARG), 12 de Outubro (PAR), Aragua (VEN), Aucas (EQU), River Plate (PAR) ou Guabirá (BOL). Atlético Goianiense e Ceará também ficarão nesse pote, mas pelo critério da nacionalidade não irão para o grupo do Bahia.

Já do pote 4 pode aparecer no caminho um dos eliminados na terceira fase preliminar da Libertadores. Entre os cotados ainda a definir estão: Libertad (PAR) ou Atlético Nacional (COL), Independiente del Valle (EQU) ou Grêmio, San Lorenzo (ARG) ou Santos e Bolívar (BOL) ou Junior Barranquilla (COL). Este é o único caso em que times conterrâneos podem compor o mesmo grupo, já que a definição dos eliminados só acontecerá na próxima semana, após o sorteio. Dos oito times em disputa, os quatro vencedores seguirão na Libertadores e os quatro derrotados entrarão na Sul-Americana.

Além dos próximos eliminados da Libertadores, o pote 4 terá ainda Red Bull Bragantino, Metropolitanos (VEN), que não possuem pontuação no ranking; e os clubes do Uruguai, que serão dois entre estes: Peñarol ou Cerro Largo, Torque City ou Fénix. Mesma situação: a definição dos classificados do país só sairá na próxima semana. 


POTE 1
Independiente (Argentina)
Lanús (Argentina)
Corinthians (Brasil)  
Athletico Paranaense (Brasil)
Emelec (Equador)
Jorge Wilstermann (Bolívia)
Rosário Central (Argentina)
Newell's Old Boys (Argentina)

POTE 2
Palestino (Chile)
Tolima (Colômbia)
Arsenal de Sarandí (Argentina)
BAHIA (Brasil)
Melgar (Peru)
La Equidad (Colômbia)
Huachipato (Chile)
Sport Huancayo (Peru)

POTE 3
Guabirá (Bolívia)
Talleres (Argentina)
12 de Outubro (Paraguai)
Aucas (Equador)
Atlético-GO (Brasil)
Aragua (Venezuela)
River Plate (Paraguai)
Ceará (Brasil)

POTE 4 (cinco vagas a definir)
Red Bull Bragantino (Brasil)
Metropolitanos (Venezuela)
Peñarol ou Cerro Largo (Uruguai)
Torque City ou  Fénix (Uruguai)  
Santos (Brasil) ou San Lorenzo (Argentina)
Grêmio (Brasil) ou Independiente Del Valle (Equador)
Libertad (Paraguai) ou Atlético Nacional (Colômbia)

Bolívar (Bolívia) ou Junior Barranquilla (Colômbia)

Formato mais difícil

Com a mudança do regulamento, vencer a Sul-Americana ficará mais difícil a partir da atual temporada. O novo formato conta com uma fase nacional na qual os times de Bolívia, Chile, Colômbia, Equador, Paraguai, Peru, Uruguai e Venezuela enfrentam conterrâneos para definir os dois de cada país que avançam para a fase de grupos.

Esses 16 classificados na primeira fase se juntam aos seis representantes brasileiros, aos seis argentinos e a mais quatro eliminados na terceira fase preliminar da Libertadores, totalizando os 32 da fase de grupos. Nesta etapa, que será disputada entre 20 de abril e 27 de maio, cada time jogará uma partida em casa e uma fora contra os outros três componentes do mesmo grupo. 

Apenas o campeão de cada de chave avançará para as oitavas de final, que terá também os oito terceiros colocados da fase de grupos da Libertadores. A partir daí a Sul-Americana segue o formato tradicional, com mata-mata e jogos de ida e volta até a semifinal. A decisão será em jogo único, no dia 6 de novembro, em sede ainda não divulgada.

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas