Bahia vende Gregore para time de Beckham nos Estados Unidos

e.c. bahia
24.02.2021, 12:26:00
Atualizado: 24.02.2021, 12:39:19
Gregore vai se despedir na partida contra o Santos (Felipe Oliveira/EC Bahia )

Bahia vende Gregore para time de Beckham nos Estados Unidos

Clube anunciou como maior venda do Nordeste, mas não divulgou o valor

Depois de três anos defendendo a camisa tricolor, o volante Gregore vai deixar o Bahia. O jogador foi negociado com o Inter Miami, dos Estados Unidos, e vai disputar a MLS na temporada 2021.

O valor da negociação não foi divulgado oficialmente. Em nota oficial, o presidente Guilherme Bellintani afirma que vendeu 65% dos direitos econômicos do atleta e que o Esquadrão receberá por isso um montante "pouco superior ao da venda de Zé Rafael para o Palmeiras (R$ 14,5 milhões)".

Revelado pelo São Carlos-SP, Gregore chegou ao Bahia em 2018 após atuar na equipe B do Santos. Ele não demorou muito para se destacar nos treinos e assumiu a condição de titular da equipe. 

Ao todo, o camisa 26 disputou 166 partidas pelo Bahia e marcou dois gols, ambos na temporada 2020. Durante o período em que esteve no Esquadrão, Gregore se notabilizou pela garra e bom futebol em campo. Ele foi o maior ladrão de bolas do Brasileirão nas edições de 2018 e 2019. 

O bom momento fez com que equipes do Brasil e do exterior se interessassem pelo volante. Palmeiras e Atlético-MG chegaram a se interessar, mas o acordo com o Bahia não evoluiu. No ano passado, o jogador ficou perto de deixar o clube após receber duas propostas de fora do país. A primeira foi do Seattle Sounders, também dos Estados Unidos, de cerca de R$ 17 milhões, que foi recusada. Já em setembro foi a vez do Trabzonspor, da Turquia, demonstrar intenção de contar com o atleta. O valor apresentado foi considerado baixo.

"Conseguimos segurar Gregore quando chegou uma proposta semelhante no início de 2020, mas o cenário de pandemia agora não nos permite mais. Ele sai pela porta da frente, completará 27 anos daqui a uma semana e tinha contrato só até o fim de 2021", comentou Bellintani. 

A venda do volante não chega a ser uma surpresa e faz parte da reformulação que o Bahia pretende fazer para a temporada 2021. Durante reunião no Conselho Deliberativo, o presidente chegou a afirmar que o clube precisaria negociar titulares para cobrir os prejuízos que vai ter por causa da pandemia do coronavírus.

Na proposta do orçamento tricolor, a previsão é de arrecadar R$ 25 milhões em venda de atletas na nova temporada.

A despedida de Gregore do Esquadrão será nesta quinta-feira (25), quando o Bahia enfrenta o Santos pela última rodada do Campeonato Brasileiro, às 21h30, na Fonte Nova. A partida vale ao tricolor a chance de se classificar à Copa Sul-Americana. 

Nos Estados Unidos, Gregore vai atuar ao lado de jogadores consagrados. Fundado em 2018, o Miami FC tem como dono o ex-jogador David Beckham. O plantel conta com atletas como atacante argentino Higuaín e o francês Matuidi. 


***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas