Bar desobedece decreto e é interditado na Ilha de Bom Jesus do Passos

bahia
26.06.2020, 18:34:00
Atualizado: 26.06.2020, 18:34:06
(Divulgação)

Bar desobedece decreto e é interditado na Ilha de Bom Jesus do Passos

Cinco mercadinhos também foram autuados e terão de se adequar

Em momentos como o que vivemos, o jornalismo sério ganha ainda mais relevância. Precisamos um do outro para atravessar essa tempestade. Se puder, apoie nosso trabalho e assine o Jornal Correio por apenas R$ 5,94/mês.

Um bar descumpriu o decreto de se manter fechado para evitar a disseminação e foi interditado nesta sexta-feira (26). A fiscalização faz parte da operação da Secretaria Municipal de Desenvolvimento e Urbanismo (Sedur), que fez vistorias no local.

Além do bar, a pasta fiscalizou outros 57 estabelecimentos. Cinco mercadinhos foram notificados porque não estavam seguindo os protocolos de funcionamento e terão de se adequar. Outros seis estabelecimentos foram notificados para suspender as atividades e uma obra foi embargada por não possuir alvará de construção da Prefeitura.

A Sedur também fez a vistoria em igrejas, pousadas, salões de beleza, barbearias, lojas, padarias, academias e farmácias.

“A equipe de fiscalização está atuando diariamente em todos os bairros e ilhas pertencentes à capital baiana. A gente conta com a conscientização dos proprietários dos estabelecimentos e da população para cumprir os decretos e continuar nos ajudando a salvar vidas”, afirma o diretor de fiscalização do órgão, Átila Brandão Júnior.

No dia 13 de junho, a Sedur já havia vistoriado 50 estabelecimentos na Ilha de Maré. Destes, 11 foram notificados para se adequar as medidas estabelecidas pelos decretos.

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas