BBB 22: técnica de Ludmilla para 'fazer cocô sem feder' funciona? Entenda

em alta
20.01.2022, 09:19:19

BBB 22: técnica de Ludmilla para 'fazer cocô sem feder' funciona? Entenda

Truque foi ensinado pela esposa da cantora, Brunna Gonçalves

Logo nos primeiros dias de Big Brother Brasil 22, o público foi surpreendido com uma técnica usada pela cantora Ludmilla e compartilhada com sua esposa Brunna Gonçalves, uma das confinadas, para fazer cocô sem feder. A sister compartilhou o truque com os colegas de casa.

"As coisas que a Ludmilla me ensina, fazer cocô sem feder (risos). É assim: você faz cocô, quando sentir que seu cocô já vai bater na água, já aperta a descarga", ensinou.

Após o espanto e riso dos outros participantes, ela explicou um pouco melhor: "não limpa primeiro, dá descarga. Depois já vai descer, você limpa e pronto, não vai ficar fedendo. É sério, parece que o cheiro já vai junto", destrinchou a dançarina.

Mas será que a técnica realmente funciona? De acordo com um especialista, sim, ela pode dar certo. Mas isso depende de algumas condições, como não ter gases.

"Se as fezes têm mau cheiro, quanto antes 'se livrar' delas, melhor. Ou seja, quanto menos tempo para os compostos voltarem, menos vai feder. Mas é claro que, se houver saída de gases também, o benefício da descarga rápida não é tão grande", explicou em entrevista ao portal Tilt Ernesto Rezende Souza, doutor em química pela Unicamp.

Contudo, o especialista pondera que utilizar da técnica pode não ser tão saudável. "O problema disso é que a descarga lança muitas gotículas para o alto, e a pessoa pode acabar se contaminando com o spray que ocorre durante a descarga", ressalta.

"Se alguém quiser mesmo fazer um 'serviço rápido e inodoro', precisa primeiro torcer para não soltar gases e, segundo, se levantar, tampar o vaso e dar descarga. Isso ajuda a se livrar do cheiro e da causa dele", finaliza o especialista.

***

Em tempos de desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informações nas quais você pode confiar. E para isso precisamos de uma equipe de colaboradores e jornalistas apurando os fatos e se dedicando a entregar conteúdo de qualidade e feito na Bahia. Já pensou que você além de se manter informado com conteúdo confiável, ainda pode apoiar o que é produzido pelo jornalismo profissional baiano? E melhor, custa muito pouco. Assine o jornal.


Relacionadas