Blogueira confessa envolvimento em morte do ex e diz que queria só 'dar um susto'

brasil
01.07.2022, 15:06:00
(Reprodução/Instagram)

Blogueira confessa envolvimento em morte do ex e diz que queria só 'dar um susto'

Crime aconteceu na Grande BH; dois apontados como executores foram presos, diz PM

A polícia investiga o envolvimento de Isabela Gomes Pereira, de 29 anos, na morte do ex-namorado, o empresário Leandro Rezende Morais, de 36. Ele foi morto na madrugada da terça (28), em Contagem, na Grande BH.

A blogueira Isa Gomes, que tem mais de 11 mil seguidores nas redes sociais, está presa, assim como dois homens que são apontados pela polícia como executores do crime. Um terceiro suspeito está foragido.

Os dois suspeitos de matar Leandro que foram presos apontam Isa como mandante e ela também confessou o crime, diz a Polícia Militar. Os dois homens foram achados depois que a polícia rastreou o carro roubado da casa da vítima na fuga dos bandidos. 

Segundo a Polícia Militar, Isa foi identificada com informações de pessoas próximas e vizinhos do empresário. Uma equipe foi até a casa dela, e ela afirmou que sua intenção era só "dar um susto" no ex. 

A mulher disse ainda, segundo a PM, que conheceu os três suspeitos em uma praça depois que o ex desmarcou um encontro com ela. Contou ainda que estava irritada ao descobrir uma susposta traição da vítima. 

"Ela confessou o crime e relatou que estava chorando em uma praça quando foi abordada por um dos suspeitos. A suspeita disse que tentava reatar o relacionamento e que teria sido agredida, mas não apresentava nenhuma marca. O suspeito, então, deu a ideia do roubo, e ela concordou em dar um 'susto' no ex", contou o major Dioran de Oliveira Passos. 

Depois de sair da praça, a mulher levou os suspeitos até a casa do empresário, onde ele foi morto. Ela teria dito aos três que Leandro tinha joias na casa. 

Os suspeitos invadiram a casa através de um muro. Eles usaram um cobertor para jogar em cima da concertina eletrificada. Um vizinho notou o cobertor e ligou pra PM, se trancando no banheiro. Uma equipe foi até a casa, mas já encontrou Leandro morto. Ele teve mãos e pés amarrados e foi morto asfixiado com um fio no pescoço.

Os bandidos levaram, além do carro, um celular e uma TV. 

***

Em tempos de desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informações nas quais você pode confiar. E para isso precisamos de uma equipe de colaboradores e jornalistas apurando os fatos e se dedicando a entregar conteúdo de qualidade e feito na Bahia. Já pensou que você além de se manter informado com conteúdo confiável, ainda pode apoiar o que é produzido pelo jornalismo profissional baiano? E melhor, custa muito pouco. Assine o jornal.


Relacionadas