Caminhoneiro é preso após dirigir carreta dançando na janela; veja vídeo

em alta
07.08.2020, 09:30:09
Atualizado: 07.08.2020, 09:47:49
(Foto: Reprodução)

Caminhoneiro é preso após dirigir carreta dançando na janela; veja vídeo

Durante vistoria, polícia encontrou porções de maconha na carreta

Em momentos como o que vivemos, o jornalismo sério ganha ainda mais relevância. Precisamos um do outro para atravessar essa tempestade. Se puder, apoie nosso trabalho e assine o Jornal Correio por apenas R$ 5,94/mês.

Um jovem caminhoneiro de 23 anos foi preso após um vídeo em que ele aparecia dançando pendurado na janela enquanto dirigia uma carreta viralizar. As imagens foram gravadas na BR 060, entre Brasília em Goiânia, e divulgadas em redes sociais. 

Segundo o portal R7, o proprietário de carreta solicitou apoio à Polícia Rodoviária Federal, no início da noite desta quarta-feira (5), para localizar o motorista do caminhão. 

De acordo com a PRF, tudo começou quando o motorista foi filmado na manhã do domingo (2), com o corpo todo para fora do veículo, com as mãos para cima e dançando, enquanto dirigia. Após tomar conhecimento do vídeo, o caminhão que é rastreado, foi bloqueado em um posto de combustíveis às margens da rodovia em Rio Verde.

Chegando ao local, o rapaz confirmou os fatos mostrados no vídeo e disse que não sabia o que aconteceu e disse que teve um surto de loucura momentânea.

Durante a vistoria na carreta, a polícia encontrou pequenas porções de maconha. O condutor informou que é usuário da droga desde os treze anos de idade.

O veículo foi entregue ao proprietário e o motorista foi conduzido até a Unidade Operacional da PRF local e em desfavor do condutor foi lavrado um Termo Circunstanciado de Ocorrência.

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas