Casal aparece para reivindicar paternidade de bebê abandonado na Boca do Rio 

salvador
05.07.2018, 21:55:33
Atualizado: 05.07.2018, 22:29:25
(Foto: Divulgação)

Casal aparece para reivindicar paternidade de bebê abandonado na Boca do Rio 

Pai e mãe estão fazendo teste de DNA para comprovar o parentesco

O caso do recém-nascido abandonado na Boca do Rio pode estar prestes de um desfecho. Um casal se apresentou ao Conselho Tutelar um dia depois que o caso ganhou projeção na imprensa. Um homem de 33 anos e uma mulher de 40 explicaram o que aconteceu e foram submetidos a exame de DNA para comprovar o parentesco nesta quinta-feira (4).

A explicação para o abandono não foi revelada à imprensa. Segundo o Conselho Tutelar, o caso corre em sigilo. Os dois foram visitar a criança no abrigo em que ela está acolhida. O que se sabe é que a mulher que deixou o menino na maternidade Iperba é uma amiga do casal. Ela tinha contado que uma senhora a abordou e entregou a criança, pedindo para segurá-la.

Carro preto 
A mulher que entregou o bebê na maternidade estaria caminhando na orla da Boca do Rio, no dia 23 de junho, quando uma senhora a abordou assustada e gritando. “Segura, segura, segura” e entrou num carro preto que aguardava por ela. O CORREIO não conseguiu contato com a Delegacia de Repressão a Crimes Contra a Criança e o Adolescente (Dercca), para saber do andamento das investigações.

A criança foi entregue nua, coberta apenas com um pano. Ela ainda estava com o cordão umbilical e suja de placenta. “Acredito que ele tenha nascido naquele mesmo dia”, contou a conselheira tutelar Andreia Borges, que acompanha o caso. O bebê foi levado pela mulher até a maternidade Iperba, em Brotas. Lá, o Conselho Tutelar foi acionado. 

Cheio de saúde
O menino foi colocado na incubadora e alimentado por uma sonda. Depois de passar por uma série de exames durante o fim de semana, ele recebeu alta e foi levado para o Conselho Tutelar para uma Unidade de Acolhimento Institucional. A criança está saudável e não havia sinal de lesões ou maus-tratos. 

“Nossa prioridade agora é encontrar a família. Nós acreditamos que ele tenha sido tirado da mãe. Se os parentes não aparecerem, ele deverá ser encaminhado à adoção”, disse a conselheira.  Andreia acredita que, se esta decisão tiver que ser tomada, não deverá demorar muito até que encontre um novo lar. “A fila para adotar esse bebê é grande. Já perdi a conta de quantos interessados já me ligaram hoje”, contou. 

Abandono de incapaz é considerado crime, passível de pena de seis meses a dez anos de prisão.
 


Relacionadas
Correio.play
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/verdadeiro-ou-falso-videos-deepfake-estao-cada-vez-mais-reais/
Manipulação de imagem com uso de inteligência artificial diverte, mas acende alerta para disseminação de notícias falsas
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/taylor-swift-lanca-o-lover-o-setimo-album-de-sua-carreira/
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/banda-paulista-o-terno-apresenta-novo-album-no-tca-nesta-sexta-23/
Disco <atrás/além> é o quarto da carreira do trio liderado por Tim Bernardes
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/rita-beneditto-apresenta-tecnomacumba-no-ic-encontro-de-artes/
Show acontece no Goethe-Institut nesta sexta (23), às 20h
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/suspeito-de-golpe-milionario-tem-prisao-preventiva-decretada-na-bahia/
Homem mentiu para a família e disse que ficou rico após ganhar na Mega-Sena
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/skatista-de-11-anos-pode-representar-o-brasil-na-olimpiada/
Rayssa Leal estará em Lauro de Freitas neste fim de semana para disputar Circuito Brasileiro de Skate
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/gilberto-gil-e-carlinhos-brown-agitam-a-semana-do-clima/
Artistas defenderam o meio ambiente e a luta pela preservação da natureza
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/apos-colocar-fogo-em-onibus-homem-se-esfaqueia-em-copacabana/
Vídeo mostra veículo tomado por fumaça; suspeito tem passagem por homicídio
Ler Mais