Caso Daniel vai a júri popular, mas Cristiana Brittes não responderá por homicídio

brasil
28.02.2020, 17:06:00
(Reprodução)

Caso Daniel vai a júri popular, mas Cristiana Brittes não responderá por homicídio

Jogador teve pênis decepado e foi morto depois de festa

A Justiça decidiu nesta sexta-feira (28) que os réus do caso Daniel Correa, jogador que foi morto na Região Metropolitana de Curitiba, vão a júri popular. A data ainda será definida. Cristiana Brittes, que foi acusada pelo Ministério Público de participar do assassinato do atleta, foi liberada da acusação. 

Na pronúncia, a juíza Luciani de Paula afirmou que não deu prosseguimento à denúncia. Cristiana é esposa de Edison Brittes, empresário que confessou a morte de Daniel. Ele segue preso, ao contrário da mulher e da filha, também envolvida no caso.

Brittes e outros três réus, David Vollero, Ygor King e Eduardo da Silva, tiveram a denúncia de homicídio qualificada confirmada. O MP sustenta que Brittes e os convidados da festa torturaram Daniel antes de matá-lo. O corpo do jogador foi achado parcialmente degolado e com o pênis decepado.

A defesa considera que a liberação de Cristiana é uma vitória para eles, que sustentam que no dia do crime Daniel atacou a mulher de Edison em uma tentativa de estupro. Edson teria flagrado a cena e por isso atacou o jogador.

Cristiana e a filha, Allana, vão responder a outras três acusações, aceitas pela Justiça: fraude processual, coação no curso do processo e corrupção de menores.

Veja como ficou a denúncia aceita pela Justiça:

Homicídio qualificado pela torpeza do motivo, pelo emprego de tortura ou outro meio insidioso ou cruel, e pelo recurso que impossibilitou a defesa da vítima

DAVID WILLIAN VOLLERO SILVA
EDISON LUIZ BRITTES JUNIOR
EDUARDO HENRIQUE RIBEIRO DA SILVA
YGOR KING

Ocultação de cadáver

DAVID WILLIAN VOLLERO SILVA
EDISON LUIZ BRITTES JUNIOR
EDUARDO HENRIQUE RIBEIRO DA SILVA
YGOR KING

Fraude processual

ALLANA EMILLY BRITTES
CRISTIANA RODRIGUES BRITTES
DAVID WILLIAN VOLLERO SILVA
EDISON LUIZ BRITTES JUNIOR
EDUARDO HENRIQUE RIBEIRO DA SILVA
EVELLYN BRISOLA PERUSSO
YGOR KING

Corrupção de menor

ALLANA EMILLY BRITTES
CRISTIANA RODRIGUES BRITTES
EDISON LUIZ BRITTES JUNIOR
EDUARDO HENRIQUE RIBEIRO DA SILVA

Coação no curso do processo (por cinco vezes)

ALLANA EMILLY BRITTES
CRISTIANA RODRIGUES BRITTES
EDISON LUIZ BRITTES JUNIOR

***

Em tempos de desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informações nas quais você pode confiar. E para isso precisamos de uma equipe de colaboradores e jornalistas apurando os fatos e se dedicando a entregar conteúdo de qualidade e feito na Bahia. Já pensou que você além de se manter informado com conteúdo confiável, ainda pode apoiar o que é produzido pelo jornalismo profissional baiano? E melhor, custa muito pouco. Assine o jornal.


Relacionadas