Cenas de Carnaval: as crianças

salvador
06.02.2019, 05:00:00
(Marina Silva/ 6.2.2018/Arquivo Correio)

Cenas de Carnaval: as crianças

A folia começa desde cedo

Todo mundo é um pouco criança no Carnaval. É só lembrar das fantasias bem-humoradas, da alegria em pular, gritar e dançar, dos amigos inseparáveis com quem se sai junto. Se vacilar, até o fôlego é de gente pequena, afinal, são eles que aguentam uma ‘maratona’ de folia sem que o corpo reclame. No caso dos adultos, a conta costuma vir na Quarta-Feira de Cinzas.

Os carnavais voltados para as crianças tiveram seu grande auge nos clubes sociais, das décadas de 80 e 90, quando esses ofereciam uma alternativa para os pais de classe média para cima. 

Com a derrocada dos clubes, o espaço acabou sendo tomado pelos blocos infantis e pelos bailes em shoppings centers. O Pelourinho, com um fluxo menor de pessoas, também é uma boa alternativa para os pequenos.

Mas vamos combinar: não são só as crianças que se divertem. Para isso, é preciso ter o espírito aberto. Não adianta se incomodar com sol, espuma, pistola d’água ou pó colorido. 

(Marina Silva/Arquivo CORREIO)
(Marina Silva/Arquivo CORREIO)
(Marina Silva/Arquivo CORREIO)
(Betto Jr/Arquivo CORREIO)
(Antonio Saturnino/Arquivo CORREIO)
(Marina Silva/Arquivo CORREIO)
(Paulo M. Azevedo/Arquivo CORREIO)
(Marina Silva/Arquivo CORREIO)

Para quem é um tanto saudosista, o Carnaval infantil lembra as festas antigas de clubes. Tem serpentina e confete e fanfarra, principalmente nos shoppings. Nas ruas, artistas como Tio Paulinho se especializaram em fazer a festa para crianças. Carla Perez também conseguiu conquistar seu espaço com os pequenos.

No entanto, ainda há o outro lado infantil do Carnaval, o do trabalho. Centenas de crianças acompanham os pais ambulantes no circuito - e, às vezes, ainda ajudam catando latinhas -, dormindo em condições precárias e ficando suscetíveis a doenças e abusos. Não se pode colocar uma máscara e fantasiar que o problema não existe.
Que o Carnaval possa ser um momento de alegria para todas as crianças, sem distinção de situação social.

*Cenas de Carnaval é um oferecimento do Bradesco, com patrocínio do Hapvida e apoio de Claro, Fieb, Salvador Shopping, Vinci Airports e Unijorge


Relacionadas
Correio.play
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/e-preciso-buscar-novos-lugares-de-fazer-piada-defende-leandro-hassum/
Porém, nova comédia estrelada pelo ator reproduz velhos preconceitos
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/pitty-mistura-salsa-e-rock-em-novo-single-ouca-noite-inteira/
Canção conta ainda com participação especial de Lazzo Matumbi
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/humor-joiado-cearense-para-fazer-o-cinema-brasileiro-gargalhar/
Cine Holliúdy 2 - A Chibata Sideral mistura cearensês, alienígenas e Lampião, e fecha trilogia de sucesso popular
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/nostalgia-pura-netflix-divulga-trailer-da-terceira-temporada-de-stranger-things/
Com cenas inéditas, série mostra protagonistas mais velhos e novos personagens. A produção estreia no dia quatro de julho
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/la-furia-causa-nova-polemica-com-musica-e-comentario-machista-sobre-bettina/
Letra cita jovem que viralizou ao 'contar’ como ficou milionária aos 22 anos
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/veja-playlist-de-verao-do-projeto-mete-som/
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/testemunhas-das-mortes-misteriosas-de-maragojipe-serao-ouvidas-nesta-quarta-20/
Vítimas foram assassinadas em três segundas-feiras seguidas, há sete meses
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/procon-quer-que-empiricus-explique-propaganda-e-fortuna-de-bettina/
Empresa tem 48 horas para apresentar documentos que compravam a veracidade do que foi anunciado, com a demonstração da evolução financeira da atriz/depoente
Ler Mais