Chega a 221 o número de crianças contaminadas em escola de São Sebastião do Passé

bahia
17.02.2020, 20:35:00
Atualizado: 18.02.2020, 09:35:45
Hospital Municipal da cidade recebeu crianças, mas algumas foram transferidas para Salvador (Reprodução)

Chega a 221 o número de crianças contaminadas em escola de São Sebastião do Passé

Suspeita é que água estava contaminada

Em momentos como o que vivemos, o jornalismo sério ganha ainda mais relevância. Precisamos um do outro para atravessar essa tempestade. Se puder, apoie nosso trabalho e assine o Jornal Correio por apenas R$ 5,94/mês.

O número de crianças de uma escola municipal de São Sebastião do Passé, que foram vítimas de uma infecção, chegou a 221. De acordo com informações divulgadas pela prefeitura local, nesta segunda-feira (17), todos os infectados já receberam alta e não houve registros de novos casos.

Ainda de acordo com a gestão municipal, todas crianças que passaram mal, apresentando sintomas de febre, dor de cabeça e diarreia, são alunas do Colégio Municipal Dr. João Paim, onde estão matriculados 868 estudantes. Os primeiros casos foram identificados na última quinta-feira (13).

O motivo da infecção ainda não foi esclarecido, mas a Polícia Civil, que investiga o caso, trabalha com a principal hipótese de que ela tenha sido causada por uma contaminação na água que abastece a unidade de ensino, oriunda de um poço artesiano e que não passa por tratamento algum.

O Departamento de Polícia Técnica (DPT) já coletou amostras da água para fazer análises. A polícia informou nesta segunda que não há prazo para que os resultados dos exames sejam divulgados.

Além disso, foram colhidas amostras da água e de alguns alimentos fornecidos na merenda escolar dos alunos, como sucos, biscoitos e achocolatados. O material foi enviado para o Laboratório Central da Bahia (Lacen), da Secretaria de Saúde da Bahia (Sesab). Os resultados saem em 15 dias.

O colégio está interditado pela Vigilância Sanitária Municipal desde a última sexta-feira (14) e só deve voltar a funcionar após o Carnaval, que acaba no dia 25 de fevereiro.

A Prefeitura de São Sebastião do Passé informou que, nesse período sem funcionar, a escola passa por um período de limpeza geral. A gestão municipal acrescentou ainda que já foi providenciada a ligação de água por parte da Empresa Baiana de Águas e Saneamento S.A. (Embasa).

Em nota, a Embasa informou que realizou, no sábado (15), a implantação de uma ligação de água para o Colégio Dr. João Paim, no município de São Sebastião do Passé, atendendo a solicitação da prefeitura municipal. "Com isso, o colégio, que antes utilizava fonte própria de abastecimento (poço), começou a receber água tratada de qualidade, fornecida pela empresa. Para assegurar que a água tratada fornecida pela Embasa não seja contaminada pela água utilizada anteriormente, os técnicos da Embasa realizaram a desinfecção do reservatório e implantaram instalações hidráulicas novas no imóvel", disse a Embasa, em nota. 

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas
  • Assinaturas: 71 3480-9140
  • Anuncie: 71 3203-1812
  • Ache Aqui Classificados: 71 3480-9130
  • Redação: 71 3203-1048