Chuva na região do rompimento da barragem vai persistir até domingo

bahia
13.07.2019, 07:00:00
(Foto: Evandro Veiga/CORREIO)

Chuva na região do rompimento da barragem vai persistir até domingo

As chuvas intensas foram causadas por uma frente fria que veio do Sul

As cidades de Coronel João Sá e Pedro Alexandre, em que a barragem de Quati rompeu na última quinta-feira (11), ainda vão ficar debaixo de chuva até domingo (14).

A previsão da meteorologista Diva Cordeiro, do Instituto do Meio Ambiente e Recursos Hídricos (Inema), é de que a chuva deve continuar nos próximos dias. Segunda-feira (14) não tem previsão de chuva intensa.

"Para os próximos dias ainda teremos uma nebulosidade naquela região do nordeste da Bahia. A tendência, no entanto, é que de hoje para sábado elas diminuam a intensidade e a frequência", afirmou Diva.

No sábado (13), a previsão é de chuva fraca. No domingo (14) ela volta a se intensificar principalmente nos municípios localizados na divisa entre os estados "mas nada comparado ao que tivemos nos últimos dias". 

De acordo com a meteorologista, as chuvas intensas foram causadas por uma frente fria que veio do Sul do país e subiu para o Sudeste, chegando ao Nordeste. 

"A frente fria causou decaimento das temperaturas por lá e chegou a alcançar a Bahia, gerando chuvas desde o Sul até o Recôncavo e foi subindo um pouco mais em direção à Sergipe e Alagoas. O principal responsável foi a frente fria que ocasionou todas essas chuvas", disse.

Além dela, a umidade do Oceano Atlântico auxilia na formação da nebulosidade e na frequência da chuva. 

As chuvas nos municípios começaram na segunda-feira (8). O dia mais chuvoso foi a quarta-feira (10) com 33,4mm, seguido pela quinta-feira (11) com 27mm. Nesta sexta-feira (13) foram 16,4mm de chuva.

"O acumulado do dia 8 até esta sexta é de 96,2 mm. É bastante chuva. A previsão era para 30mm em um dia", disse.

De acordo com o Inema, a média histórica de precipitação do município em julho é de 54mm.  "É normal chover no inverno em toda faixa leste da Bahia. No centro-Leste até o litoral é normal chover e são aquelas chuvas fracas que persistem por vários dias", disse.


Relacionadas
Correio.play
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/cadela-percorre-200-km-a-procura-dos-donos-que-a-abandonaram/
Cadela russa Maru foi encontrada chorando e com patas e focinho quebrados
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/toca-anuncia-principais-atracoes-da-programacao-ate-dezembro/
Filipe Catto, banda Mulamba e edição especial com Larissa Luz cantando Elza Soares estão entre os destaques; confira
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/oitava-edicao-do-gamepolitan-se-voltara-ao-universo-analogico/
Evento, considerado o maior da área de games do Norte-Nordeste, acontece em Salvador neste fim de semana (27 e 28)
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/quem-e-lil-nas-x-o-rapper-gay-dono-do-maior-hit-de-2019/
Rapper americano tem apenas 20 anos e está há 16 semanas consecutivas no primeiro lugar da Billboard
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/barra-69-ultimo-show-de-caetano-e-gil-antes-do-exilio-quase-teve-invasao-hippie/
Apresentações no TCA em julho de 1969 completam 50 anos; conheça os bastidores
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/projeto-boa-musica-comeca-com-geraldo-azevedo/
Cantor e compositor se apresenta neste domingo (21) no Othon e divide o palco com a banda Estakazero
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/new-hit-tj-ba-nega-absolvicao-a-musicos-acusados-de-estupros/
Oito integrantes do extinto grupo de pagode foram condenados a dez anos
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/maragojipe-familia-esta-apreensiva-com-demora-no-julgamento-do-caso/
Testemunhas de defesa são ouvidas nesta sexta-feira (19)
Ler Mais