Cidade da Luz comemora 42 anos com culto inter-religioso

salvador
10.02.2020, 13:54:40
Atualizado: 10.02.2020, 13:58:11

Cidade da Luz comemora 42 anos com culto inter-religioso

Instituição sem fins lucrativos atende mais de 200 mil pessoas por ano

Em momentos como o que vivemos, o jornalismo sério ganha ainda mais relevância. Precisamos um do outro para atravessar essa tempestade. Se puder, apoie nosso trabalho e assine o Jornal Correio por apenas R$ 5,94/mês.

Um culto inter-religioso ocorre na terça-feira (11) para celebrar os 42 anos de fundação da Cidade da Luz, um complexo doutrinário e socioassistencial que atende as comunidades de Pituaçu, Boca do Rio e diversos outros bairros da capital baiana. O evento será comandado pelo médium e fundador da instituição, José Medrado, a partir das 19h30, na sede da instituição, em Pituaçu.
 
O respeito e a união são umas das principais frentes ideológicas da Cidade da Luz. É daí que veio a ideia de celebrar o aniversário do centro com um culto inter-religioso. 
 
Segundo José Medrado, a casa acolhe e beneficia cerca de 200 mil pessoas anualmente. Durante os anos de existência, a instituição acumulou feitos nas áreas da assistência às crianças, jovens e adultos que foram amparados e valorizados, em alguma das frentes de trabalho.
 
Como a Cidade da Luz não tem fins lucrativos, os projetos socioassistenciais são mantidos através de doação. A casa também realiza eventos para arrecadar recursos, tais como rifas, bazares, jantares, dentre outros. Na casa, há ainda o Espaço Renoir, que expõe obras mediúnicas, telas e esculturas, produzidas por José Medrado e o Brechó da Luz. O valor arrecadado com as vendas destes itens também são destinados às obras assistenciais, desenvolvidas pela Cidade da Luz.

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas