Cidade decide não derrubar cajazeira em via por ser 'símbolo para moradores'

em alta
16.07.2020, 14:19:40
Árvore sobreviveu a reforma de avenida (Foto: Divulgação/Prefeitura de Paraíso)

Cidade decide não derrubar cajazeira em via por ser 'símbolo para moradores'

Prefeitura de Paraíso (TO) ainda pretende plantar flores em torno da árvore

A Prefeitura de Paraíso do Tocantins, por meio da Secretaria de Infraestrutura, decidiu revitalizar a avenida Piracicaba e lá deixaram um breve detalhe: um pé de cajá que o município resolveu não derrubar por ter se tornado um símbolo para os moradores da região. A obra tem como objetivo evitar acidentes no local e preservar a árvore frutífera que foi plantada há mais de 30 anos.

O secretário da pasta Ubiratan Carvalho informou que foram colocadas duas lombadas (quebra-molas) em ambos os sentidos da avenida para os motoristas diminuírem a velocidade ao trafegar na região. Linhas com tachões iluminadores para à noite refletirem também fazem parte da reforma.

Ainda em torno do pé será construído um canteiro, onde serão plantadas algumas flores "para valorizar e evidenciar ainda mais a árvore".

Segundo a prefeitura, o setor Jardim Paulista foi loteado em fevereiro de 1976 e a árvore frutífera está no local desde a abertura da via. O município informou que desde então a cajazeira vem sendo preservada e se tornou uma referência entre os moradores, que conhecem a avenida como "a rua do pé de cajá".

A pasta também se mostra favorável por manter a árvore no local. "Uma vez, que feita a pavimentação, a gestão está concluindo a sinalização na via, a fim de orientar os condutores que trafegam na mesma sobre a existência do pé de cajá", disse ao portal G1.

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas