Cinco morrem e mais de 70 são presos em operação da PM na Bahia

bahia
14.01.2022, 12:19:00
(Divulgação/PM)

Cinco morrem e mais de 70 são presos em operação da PM na Bahia

As mortes aconteceram em troca de tiros no IAPI e na Vasco da Gama

Cinco pessoas foram mortas e outras 77 foram presas na Operação Forta Total, da Polícia Militar, na quinta-feira (13). Todas as mortes aconteceram em Salvador e as prisões foram registradas em todo estado. A ação ainda apreendeu armas e drogas.

Três mortes aconteceram no bairro do IAPI. Policiais da Rondesp BTS faziam rondas na Rua Conde de Porto Alegre, na localidade da Divineia, quando foram recebidos a tiros, segundo a PM. Houve revide e os três suspeitos foram baleados. Socorridos ao Hospital Ernesto Simões, eles morreram.

Com o grupo, a PM aprendeu uma submetralhadora e duas pistolas de calibre nove milímetros. A ocorrência foi registrada na Corregedoria da PM.

Outro caso foi na localidade do Manguinhos, na Avenida Vasco da Gama, em Brotas. Uma equipe da Rondesp Atlântico fazia rondas quando homens armados começaram a atirar contra os policiais. Na troca de tiros que se seguiu, os suspeitos foram baleados e socorridos para o Hospital Ernesto Simões, onde morreram.

Com eles, a PM apreendeu uma pistola e um revólver calibre 38. Essa ocorrência também foi registrada na Corregedoria.

Dos presos, 60 foram em flagrantes e 17 por mandados de prisão. Também foram apreendidos 15 adolescentes. Ao todo, a Operação Força Total abordou mais de 63 mil pessoas e apreendeu 37 armas. Mais de 120 pessoas foram levadas às delegacias para prestar depoimento. A operação também autuou 1.340 veículos e apreendeu outros 322. A ação acontece também no interior.

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas