Com campanha de G4 no returno, Vitória tenta sair da zona de rebaixamento

e.c. vitória
07.09.2021, 11:01:00
Elenco do Vitória está invicto há seis jogos na Série B do Brasileiro (Pietro Carpi/EC Vitória)

Com campanha de G4 no returno, Vitória tenta sair da zona de rebaixamento

Rubro-negro esboça reação após primeiro turno vexatório na Série B

O torcedor do Vitória ainda está longe de poder tranquilizar o coração, maltratado um bocado na primeira metade da Série B do Brasileiro, mas a reação apresentada no começo do segundo turno permite ter a esperança de que o time conseguirá se reabilitar no campeonato. O rubro-negro é dono da terceira melhor campanha do returno, com 77,78% de aproveitamento, o mesmo do CRB, que ganha apenas no critério de gols marcados. O Botafogo aparece no topo do ranking. As equipes alagona e carioca integram o G4 do torneio. 

São dois triunfos e um empate acumulados pelo Vitória nesse início do segundo turno. É bem verdade que apenas três rodadas foram disputadas, mas o Leão conseguiu sete dos nove pontos disputados. Até então o time ainda não tinha alcançado essa somatória em três confrontos seguidos em nenhum momento do torneio. Depois de vencer o Guarani (1x0) no Barradão, o Vitória empatou com o Náutico (1x1) no estádio dos Aflitos, no Recife, e comemorou o primeiro triunfo como visitante na competição diante do Operário (1x0), em Ponta Grossa, no Paraná.  

O rubro-negro está invicto há seis rodadas, já que havia empatado com Cruzeiro (2x2), CRB (1x1) e Vila Nova (0x0). A última derrota foi há um mês, em 7 de agosto, quando perdeu para o Vasco (1x0), no Barradão. O time foi treinado na ocasião pelo auxiliar Ricardo Amadeu, interinamente.

Cinco dos seis jogos da sequência positiva foram disputados sob o comando do técnico Wagner Lopes, que estreou na 18ª rodada e ainda não lamentou nenhuma derrota. Com ele à beira do campo foram duas vitórias e três empates. O aproveitamento do comandante é de 60%.

Longo caminho
Apesar dos números iniciais serem positivos, Wagner Lopes ainda tem muito trabalho pela frente para tirar o Vitória da situação delicada em que se encontra na Série B. Assim como aconteceu nas edições de 2019 e 2020, o time luta contra o rebaixamento. Já são sete rodadas seguidas na zona. E esteve nela também em outras cinco. O Leão ocupa a 17ª posição, com 23 pontos. Londrina, Brasil de Pelotas e Confiança completam o grupo dos quatro últimos colocados. 

Há chance do Leão sair do Z4 já na próxima rodada, quando enfrenta o Remo, sexta-feira (10), às 19h, no Barradão. Para isso, precisa vencer o adversário paraense, que é o 12º colocado, com 27 pontos, e torcer por empate ou derrota do Vila Nova, que receberá o Náutico no mesmo dia, em Goiânia. O Vila tem os mesmos 23 pontos do rubro-negro, porém um triunfo a mais.

Vencer é de extrema importância para deixar a zona e, consequentemente, reduzir o risco de rebaixamento. Nesse momento, a chance do Vitória cair para a Série C é de 37,6% segundo o departamento de matemática da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG), que estuda as probabilidades do futebol brasileiro.

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas