Confira a nossa cobertura especial da Lavagem do Bonfim 2018

salvador
11.01.2018, 06:00:00
Atualizado: 11.01.2018, 20:02:13

Confira a nossa cobertura especial da Lavagem do Bonfim 2018

Cortejo arrastou multidão na Cidade Baixa; festas animaram a tarde e noite

Em momentos como o que vivemos, o jornalismo sério ganha ainda mais relevância. Precisamos um do outro para atravessar essa tempestade. Se puder, apoie nosso trabalho e assine o Jornal Correio por apenas R$ 5,94/mês.

Quem tem fé vai a pé, de cadeira de rodas, em cima do cangote de painho, ou no embalo das claques políticas. Ter fé, como se vê, não é missão das mais simples. Da Conceição da Praia à Colina Sagrada são 8 km, e inclui no pacote, quase sempre, sol a pino, momentos de empurra-empurra, canseira e calos no calcanhar. Mas, reitere-se, só quem tem fé chega para agradecer e/ou renovar os votos de paz, saúde, prosperidade... Há também quem tenha fé, mas não tenha como dar a sagrada paletada pelas ruas da Cidade Baixa. Isso porque não está em Salvador... ou até está, mas não foi liberado do trampo, da apresentação de seminário na faculdade; ou, quem sabe, tem outros compromissos, programações ou esteja com um dedo 'dismitido'. Bom, aí o jeito é acompanhar por aqui a cobertura especial da mais tradicional festa religiosa da Bahia. Leva fé? A gente te leva até ela. Vumbora e conte aí: Qual o seu motivo de ir hoje ao Bonfim? Siga aí na fé o nosso tempo real.

***

19h - O show de Bell Marques, na Marina, pós-Lavagem do Bonfim, não cabe no bolso de todo mundo. Para entrar no Bonfim de Tarde e conferir as três horas de show - ele tem cantado só as músicas 'das antigas' - tem que desembolsar, no mínimo, R$ 180. No camarote, o ingresso chega a custar 800 contos! Diante disso, boa parte dos fãs preferiu 'curtir' do lado de fora mesmo, na Avenida Contorno.

***

18h50 - As irmãs e estudantes Flávia e Carolina Galvão, de 20 e 17 anos, são fãs de Bell graças aos pais.

Flávia e Carol Galvão no Bonfim de Tarde, comandado por Bell (Foto: Naiana Ribeiro/CORREIO)

"Todo dia lá em casa só toca Bell. A gente já  nasceu gostando dele", conta a mais velha. Elas vieram mesmo pra curtir!

***

18h30 - A nutricionista Daiana Ribeiro, que conseguiu folga para ir ao Bonfim (trabalhar com receptivo), e a dançarina Rose Pink (foto abaixo), na festa Bonfim de Tarde, na Marina. Apesar do 'freela', elas garantem que também estão curtindo.

Foto: Naiana Ribeiro/CORREIO

18h20 - Nota triste: Uma guarnição da Polícia Militar disparou ao menos quatro tiros para o alto, na Rua Professor Emílio Gomes, nas imediações da Igreja do Bonfim, na tentativa de intimidar um ladrão. Houve pânico, correria, e o criminoso acabou correndo na direção da praia. Não há informações sobre o paradeiro do suspeito.

18h10 - Vai ter gente chorando, agora. Bell Marques cantando o clássico 'Selva Branca', no show Bonfim de Tarde, na Marina da Contorno.

***

Bell no palco, na Marina da Contorno (Foto: Naiana Ribeiro/CORREIO)

Bell Marques manda recado para os leitores do CORREIO.

18h - Bell Marques já está no comando do Bonfim de Tarde, que acontece na Bahia Marina, pós-Lavagem. O cantor vai cantar durante três horas e as músicas são só "das antigas". A festa tem como pano de fundo a Baía de Todos os Santos.

Foto: Naiana Ribeiro/CORREIO

O contador Antônio Raimundo (meio) veio mesmo pra curtir. Ele é fã de Bell Marques desde pequenininho e não fica parado na festa que rola na Marina.

***

O motivo é celebrar!

***

A autônoma Jane Bahia, 56 (esquerda), já perdeu as contas de quantas vezes veio na Enxaguada do Bonfim de Brown. Ela, que é fã incondicional do cantor, trouxe os amigos para o Museu Du Ritmo dessa vez. "Antes ia pra lavagem e vinha pra cá. Agora não aguento mais. Mas tenho muita fé no Senhor do Bonfim, viu? Sempre que posso tou lá, amarrando minha fininha."

Foto: Naiana Ribeiro/CORREIO

***

Virou Carnaval
Carlinhos Brown canta e faz homenagens ao Senhor do Bonfim no Museu Du Ritmo!

Foto: Naiana Ribeiro/CORREIO

***

"Eu vim pra beijar muito na boca, mas ainda não peguei ninguém. Cheguei cedo pra beijar muito", brinca Fátima de Silva (de preto), que está metendo dança na Baixa do Bonfim ao lado da amiga Ana Pereira. Depois da festa religiosa é hora de quicar a bunda no chão! 

***

"Eu vim pra lacrar", diz Valéria Barreto, 32 anos, que passou uma semana pensando no look para curtir a #LavagemdoBonfim. Ela não participou da parte religiosa e está na região conhecida como baixa do Bonfim para curtir a lacração profana. 

Valéria foi pra lavagem para lacrar (Foto: Milena Teixeira/CORREIO)

***

O motivo é meter dança
Talia Silva (de amarelo) é vendedora do jornal CORREIO. Ela veio pra lavagem curtir a festa e "meter dança". "Vim pra isso esse ano. Vou dançar até umas horas".

Foto: Milena Teixeira/CORREIO

***

De camisa colorida!
E o samba anima a multidão! Jorge Aragão sacode a galera no Museu Du Ritimo. 

Foto: Naiana Ribeiro/CORREIO

***

Carlinhos Brown canta homenagem ao samba na Enxaguada du Brown no Museu Du Ritmo. 

Vem pra minha ala 
Que hoje a nossa escola vai desfilar 
Vem fazer história 
Que hoje é dia de glória nesse lugar

***

FESTAS PÓS-BONFIM TOMAM CONTA

Amor antigo}
Suely Queiroz, 47 anos. Fã de É o Tchan há mais de 20 anos, ela confessa que adora Beto Jamaica. 

"Já dancei em Itapagipe em 94 com Carla Perez e Jacaré. Foi épico" conta ela, que fez o percurso do Bonfim todo pela manhã. "Mais cedo foi hora de devoção e agora é hora de curtir", finaliza.

(Foto: Naiana Ribeiro/CORREIO)

***

Enquanto uns curtem...
O engraxate Robson Silva aproveita para tirar um dinheirinho dando garibada nos sapatos do pessoal. Na porta do Bonfim Light, ele improvisa uma versão de "Me Libera, Nega" para os clientes:  "Deixa eu limpar o seu sapato, pra você me ajudar. Mas se eu limpar e você não gostar, você tem direito de também não me pagar"

(Foto: Naiana Ribeiro/CORREIO)

***

Palco montado para o Bonfim Light. Público variado.

(Foto Naiana Ribeiro/CORREIO)

***

Depois da lavagem, é hora da folia!

A estudante Márcia e a atendente de telemarketing Maiane no aquecimento para o Bonfim Light, com É o Tchan, no Terminal Náutico. Elas não foram para a Lavagem. "Acredito muito na nossa cultura e no Senhor do Bonfim. Pedi para ele um ano melhor que 2017", diz Maiane

(Foto: Naiana Ribeiro/CORREIO)

Veja um pouquinho do ritmo das duas amigas:


E aqui a galera naquele passinho combinado


Aquele banho de folhas para dar boa sorte ao ano!

Lavagem na parte de cima das escadas

(Foto: Thais Borges/CORREIO)

De olho!

Escondidinha ali atrás, observando, está a cantora Mariene de Castro, que marcou presença

(Foto: Thaís Borges/CORREIO)

BAIANAS = AMOR + PAZ 

Thais Borges/CORREIO

***

Quem disse que baiana não descansa? 
 

Foto: Thais Borges/CORREIO

***

Imagem do Senhor do Bonfim pode ser venerada por fiéis até 18h no porta principal da Basílica. 

Foto: Thais Borges/CORREIO

***

A lavagem acabou, mas continua pra muita gente... olha só como está o fundo da Colina Sagrada:
 

Foto: João Gabriel Galdea/CORREIO

***

O motivo é quebrar!
O lado profano é o motivo de muitos.  Para quem curtir samba vai ter  Péricles, É O Tchan, CBX Samba Club, Samba Mocidade e Nu Quintal no Bonfim Privilege. O evento acontece no Terminal Naútico, a partir das 13h.  A Enxaguada du Bonfim, comandada por Carlinhos Brown, ganha mais uma edição no Museu du Ritmo. Para o palco da festa, que começa às 14h, o cacique convidou Alcione, Jorge Aragão, Mariene de Castro e Nelson Rufino com a promessa de levar toda a vibração peculiar a um encontro entre grandes nomes do samba brasileiro. Como de costume, Bell Marques também comanda uma festa na data. O Bonfim de Tarde acontece na Bahia Marina, a partir das 16h. O cantor promete 3 horas de show e de muita história (já que no evento ele apresenta o show Só das Antigas) num dia que tem um sabor especial para os baianos e com o lindo cenário da Baía de Todos os Santos ao fundo. Clique aqui e saiba mais sobre as festas privadas que rolam hoje de tarde 

***

Após o ritual da lavagem, a Imagem Peregrina do Senhor do Bonfim ficará próxima à porta principal da Basílica Santuário para veneração pública dos fiéis até às 18h.

***

Bonfim adorado
Após percorrer os oito quilômetros da Basílica da Conceição até a Igreja do Bonfim, imagem do Senhor do Bonfim é apresentada aos fiéis em uma das janelas da igreja. Momento solene e raro - que só aconteceu ano passado e se repete este ano - e emociona quem acompanha a caminhada. Vídeo: Nilson Marinho/CORREIO.
 

***

12h45
Baianas começam a lavar o adro e as escadarias da Igreja do Bonfim. Momento de fé e devoção.

Foto: Thais Borges/CORREIO

***

Quem quer esse axé da Bahia?

Foto: Thais Borges/CORREIO


***

Enquanto uns rezam... outros comem...
Nem só de feijoada vive a gastronomia da lavagem do Bonfim. As irmãs Taís, 22 anos, e Keivelin, 17, apostaram no xinxim de bofe. Claro, não faltou a farinha "de pau" e o molho "lambão". "Provei. Delicioso!", relata o repórter Alexandre Lyrio. Cada um custa R$10.

Foto: Alexandre Lyrio/CORREIO

***


12h35
Imagem do Senhor do Bonfim chega na porta da igreja do Bonfim após sair da Igreja de Nossa Senhora da Conceição no início da manhã. Olha como está o céu: carregado! Ainda pode chover mais hoje. 

Foto: Thais Borges/CORREIO

***

12h27
A imagem do Senhor do Bonfim se aproxima da Basílica onde baianas já aguardadam para lavar o adro da igreja. Imagem está cheia de fitinhas amarradas com o pedidos dos fiéis e com bandeira do Brasil nas costas.

Entorno das escadarias e do adro estão lotados: baianas, fiéis e PM, que controla o acesso 
Foto: Thais Borges/CORREIO

***

12h20
Andor com imagem do Senhor do Bonfim chega na Colina Sagrada acompanhado por multidão. 

***

12h15
Cortejo chega na região dos Mares e se aproxima da Igreja do Bonfim. Baianas já estão posicionadas para lavar o adro e escadarias do templo. 

***

A lavagem, segundo historiadores, teve início só no início do século XIX. Há desde o relato de que um soldado português que sobreviveu à Guerra do Paraguai (1865-1870) lavou a igreja em sinal de gratidão. Outra versão, segundo mãe Dayse de Oyá, Ialorixá do terreiro Ilê Axê Oju Ayrá, no Cabula, seria a de que um morador do Bonfim costumava lavar a igreja. Por ele ser de Oxalá, adeptos do candomblé e a comunidade local se uniram e começaram a fazer uma lavagem grande. Já já o cortejo chega à Colina Sagrada para as baianas lavarem o adro e as escadarias da igreja. 

Foto: Claudionor Junior/Arquivo Correio

***

Olha que lindo o mar de gente!
Todos de branco e cada um com seu motivo especial de ir a pé até a Colina Sagrada. 

Foto: Divulgação/prefeitura de Salvador

***

O importante é sambar
Carrinho de cafezinho faz miséria no circuito da Lavagem do Bonfim. A galera acoplou bateria eletrônica e os outros instrumentos no caminhão. Pura festa!
 


***

O motivo é C-L-O-S-E!
O Bonfim também é lugar de meter dança. Olha só a performance sensacional no muro da Marinha, na região do Comércio, durante a passagem do Rixô Elétrico no cortejo da Lavagem do Bonfim. 


***

Deu fome? Bate um feijão!
Alberto de Jesus, 44 anos, batendo sua feijoada nos arredores do Bonfim. "Rui Baleia, como é mais conhecido no bairro do retiro, mistura a farinha com gosto, e garante que vai chegar à colina!"


***

Protesto, amor e lembrança

O carro do mecânico Luis Carlos Silva, 65, é o único que tem a autorização da Empresa Salvador Turismo (Saltur) para seguir do Comércio até o Bonfim. Não à toa, afinal, não é um simples carro. É um possante construído por ele mesmo, revestido, no dia da festa, com palha. E como antiguidade é posto, os 20 anos de presença na festa continuam a contar nesta quinta. Revistir o carro de palha, a propósito, foi uma tática que o mecânico encontrou para chegar até a Colina sem cansar as pernas.

Foto: Nilson Marinho/CORREIO

"Foi só para poder chegar lá de carro, porque um carro normal é um carro, e um carro de palha é uma atração", explica Luis Carlos, que também vai em grupo: entram a família e um sem-número de fiéis por onde passa.  Em 2018, ele desfila para homenagear o filho, que desfilou ao seu lado por anos. "Vou colocar uma foto para homenagear o Fortuna", completa o mecânico. Fabiano Fortuna e Silva, 40, era subtenente da Polícia Militar e morreu em agosto do ano passado, depois de ser baleado durante um assalto no estacionamento do Shopping Paralela. 

***

De olho no Carnaval
Durante o cortejo, o prefeito ACM  Neto confirmou BaianaSystem no Furdunço no Carnaval. "Eu nunca censurei nenhuma banda. A decisão foi minha de colocar”, afirmou o prefeito.  Saiba mais. 

***

Baba no Bonfim
No meio do cortejo da Lavagem do Bonfim surge um campinho improvisado pro jogador - ou fiel - se arriscar a jogar uma bolinha. Nessa brincadeira, um gaiato paga R$2 e conta a sorte de derrubar duas garrafinhas. Se conseguir o feito leva pra casa R$5. Mas só tem gente dando bola fora. "Eu sou jogar, rapaz, isso aí é impossível. É honesto porque não tá roubando, mas ninguém acerta", lamenta o operador de máquinas, Tarcísio Lima, 21 anos.

***

Atenção, atenção!

Três ônibus conseguiram furar o bloqueio da Transalvador e subiram a Ladeira da Montanha durante o Bonfim! Calma, calma! É brincadeira., A manifestação divertida partiu do projeto Rodoviário Solidário, coordenado pelo motorista José Francisco Silva, 50 anos.

***

Enquanto uns caminham...
Uma multidão de fiéis já está na colina sagrada amarrando suas fitinhas e fazendo seus três pedidos ao Senhor do Bonfim. Para esses o motivo é rezar. 

Nas grades da igreja, fiéis colocam fitinhas ao Senhor do Bonfim
Foto: Divulgação/ Governo do Estado

***

Antes do cortejo sair em direção ao Bonfim a orquestra do maestro Fred Dantas tocou o Hino ao Senhor do Bonfim. 

Com fé e com música
Foto: Luan Santos/CORREIO

***

Qual o seu motivo de ir hoje ao Bonfim?

Foto: Nilson Marinho/CORREIO

***

Desavisadas, mas curtindo!
As turistas Cinthia Fagundes, 40, e sua amiga Javani Correia, 60, desembarcaram em Salvador depois de uma viagem pelo litoral do Nordeste. Ao pisar os pés em solo baiano o susto: "Que tanta gente é essa?", se perguntou Cinthia. Ela admite que da festa não sabe nada, mas está gostando do que está vendo. "Eu sei que é alguma coisa ligada ao sincretismo e que envolve muitas pessoas", resume a turista de Goiás. Chegar até à Colina nem pensar, até porque elas devem seguir viagem hoje mesmo. "Muito longe", reclamam. 

Amigas não vão aguentar chegar até o final do circuito
Foto: Nilson Marinho/CORREIO

***

Olha o Gandhy aê!
O motivo é brincar! Quem vê Ary Neves por aí até pensa que ele se perdeu da mãe. Engano. Ary que já desfila há três anos no Gandhy brinca que já pode até ser preso - acabou de completar 18 anos. A chupeta na boca é só pra fazer uma graça com a mulherada. E funciona. Ary foi parado umas duas vezes pra fazer selfies. O motivo dele hoje no Bonfim?  "Só pra brincar mesmo. Sou uma pouco conhecido no bloco e não posso deixar de vir", conta. 
 

Tem até chupeta
Foto: Nilson Marinho/CORREIO

***

Cada um vai ao Bonfim com um motivo....
O presidente Lula é uma das atrações do Bonfim sem nem pisar os pés no trajeto entre o Comércio e o Bonfim. O protesto, organizado pelo MBL e pelo vereador César Leite, pede a prisão de Lula no julgamento do dia 24. Muita gente quis tirar foto com "Lula Preso".
 

Protesto de todos os tipos
Foto: Alexandre Lyrio/CORREIO

***

Protesto é o motivo
Esses são os Filhos e Filhas de Marx. Um bloco organizado pela Associação Cultural José Martin, entidade que apoia a luta pela independência de Cuba e apoia países como a Venezuela, que, segundo eles, são países que lutam por independência econômica e política.
 

Ato pela liberdade
Foto: Alexandre Lyrio/CORREIO

***

Você sabia?
Já teve épocas em que os trios elétricos bombava na lavagem do Bonfim. Em 2014 os minitrios foram limados – os grandões trios elétricos já tinham sido excluídos desde 1998. 

Foto: Arquivo Correio

***

O motivo é proteger
Mais de cinquenta câmeras da Secretaria da Segurança Pública estão instaladas no percurso entre a Conceição da Praia e o Alto da Colina Sagrada. Há câmeras acopladas nas duas Plataformas de Observação Elevada, veículos que permitem não só a transmissão de imagens, mas o monitoramento do que acontece nos arredores do local onde está estacionado. Uma delas está em frente à Basílica Santuário do Senhor do Bonfim e a outra em frente à Igreja da Conceição da Praia. Mais de 1,8 mil agentes de segurança trabalham no local. 
 

Foto: Divulgação/SSP

***

“Quero aqui desejar que Deus nos abençoe e que possamos trabalhar muito ao longo do ano. Bonfim é um momento da fé, da demonstração, na minha opinião, da crença, da convicção dos valores espirituais do povo da Bahia”, afirmou o governador, que participa do festejo ao lado da primeira dama, Aline Peixoto, do vice-governador João Leão, de secretários do Estado, deputados estaduais e federais, entre outras autoridades.

Foto: Divulgação

***

Colar hoje não se troca por beijo
Esperando o bloco passar, os filhos de Ghandy Almir Santos Queiroz, 57 anos, e Belício Cardoso, espiam o movimento. O colar vai ficar ali mesmo no pescoço, não vai ser trocado por beijo nenhum. O motivo de hoje é outro. Não só porque o momento não é o mais apropriado, mas porque em casa tem alguém esperando por eles. "Essa brincadeira só no Carnaval", brinca Belício.

Foto: Nilson Marinho/CORREIO

***

Você sabia?
Que na Lavagem do Bonfim de 1995 o calor estava tão grande que os bombeiros precisaram jogar água nos fiéis para aplacar o calor. Esse ano está mormaço e tem até chuva fina. 

Foto: Edson Ruiz/Arquivo Correio

***

Mais de 50 grupos vão desfilar no Bonfim; tem até batuqueiras de Brasília. Clique aqui e saiba mais

***

Essa senhorinha é a matemática aposentada Léa Azevedo, 67 anos. Ela estava dançando na maior animação na frente da ala das baianas, entre as bandinhas. Disse que estava feliz porque era a primeira vez que conseguia chegar cedo aqui. Em todos os outros anos, tinha coisas para resolver e só conseguia chegar às 10h. "Vim sozinha, só eu e Deus. Venho para agradecer pelo ano bom".

***

Tem emprego no Bonfim! 
Call center do Banco do Brasil no Cabula vai gerar 3,5 mil empregos. A informação foi divulgada pelo secretário municipal de Desenvolvimento e Urbanismo, Sérgio Guanabara, durante a Lavagem do Bonfim. Clique aqui e saiba mais. 

***

O motivo é protestar....
Em ano eleitoral, uma das marcas do Bonfim é o uso de camisas e bandeiras políticas. Há militantes do PSB e PSOL com bandeiras. Já com camisas tem do PR, PSD, PSL. Tem militantes do MST também. Eles chegaram juntos num grupo de pelo menos 100 integrantes e carregam faixas e bonés com frases de apoio ao ex-presidente Lula. Alguns pedem a absolvição de Lula no julgamento que deve ocorrer nos próximos dias no âmbito da Lava Jato. 


***

Está chovendo? Sim! Mas olha só o calor humano.... Qual será o motivo de cada um que está aí nessa foto para encarar esse empurra-empurra?
 

Foto: Júlia Vigné/CORREIO

***

8h50
Começou o cortejo saindo da igreja de Nossa Senhora da Conceição da Praia em direção à Colina Sagrada. Está choviscando, mas o povo está animado. Afinal, quem é da Bahia não é de açúcar. 

***

"São ações que, realmente, vão ressaltar ainda mais a fé e a religiosidade do povo baiano, além do turismo religioso no estado. Faço todos os anos essa caminhada, tenho muita fé no Senhor do Bonfim e a festa realmente demonstra que Salvador é o palco da fé", afirmou o prefeito ACM Neto. 

Foto: Divulgação/Secom

***

Foco no ferry!
Durante os festejos da Lavagem do Bonfim, hoje, o acesso de veículos ao terminal São Joaquim (sistema Ferry-Boat) contará com via exclusiva. Uma parceria com a Transalvador agilizará a entrada dos viajantes, realizando sinalização especial que começou  às  6h a partir do túnel Américo Simas, abrindo um desvio na rua Estado de Israel, na Avenida Oscar Pontes.  Na data, o funcionamento do Ferry-Boat será normal – das 5h às 23h30 -, com saídas nos horários regulares (de hora em hora) e viagens extras em caso de um aumento expressivo de demanda. 

***

Começou a chover na Igreja da Conceição da Praia. O Inmet alerta que a previsão é que haja chuva durante todo o cortejo. 

***

Olha o táxi!
Uma das novidades para a Lavagem do Bonfim deste ano foi a criação de um ponto de táxi no estacionamento da Praça Irmã Dulce, no Largo de Roma. "Essa era uma queixa antiga. As pessoas só tinham táxi no Comércio", afirmou o secretário municipal de Mobilidade, Fábio Mota, que já está na Igreja da Conceição da Praia para participar do cortejo. Ele informou ainda que foi colocado o abrigo de ônibus de número 1200 da atual gestão, localizado na Praça da Madragoa, na Cidade Baixa, próximo da Igreja do Bonfim. "Além disso, os mototaxistas estão trabalhando regulamentados na lavagem, como aconteceu no Festival Virada Salvador. Será um dos meios de transporte mais utilizados por quem vier participar do cortejo", salientou.

***

ACM Neto governador?
O prefeito chegou à Nossa Senhora da Conceição acompanhado de secretários e se juntou a outros aliados políticos que já estavam na basílica, entre eles o deputado federal Jutahy Júnior  (PSDB), que pleiteia uma vaga ao Senado. Aos jornalistas, falou sobre as eleições 2018:

"Pode ser. Quem sabe é Deus e o Senhor do Bonfim. Posso ser candidato ou não posso", destacou o prefeito ACM Neto na saída do cortejo do Bonfim referindo-se a possibilidade de ser candidato ao governo do estado nas eleições de outubro. 

***

Meu Bonfim é profano....
Alex Brandão, 39 anos, e Luciana Farias, 43, iniciaram a festa profana antes mesmo da saída do cortejo. "Só senhor do Bonfim sabe se chegaremos lá. Normalmente a gente chega", disse ele.

Alex e Luciana já estão na cervejinha gelada... (Foto: Alexandre Lyrio/CORREIO)

***

Olha só como o repórter Alexandre Lyrio está cheio de graça vivendo o Bonfim dele...

Viva minha pauta! O "meu Bonfim". Já comecei a beber! E daqui a pouco vou cair no sanduíche de pernil!, brinca ele

.... está bebendo água, esperamos, rs! 

***

Olha como está lindo o andor!

O andor que carrega a imagem sagrada ganhou hastes de madeira com as fitinhas amarradas pelos fiéis
Foto: Nilson Marinho/CORREIO 

***

Políticos do Bonfim 
O prefeito ACM Neto e o governador Rui Costa já estão na basílica da Conceição esperando a saída do cortejo. 

***

Qual o seu motivo de ir hoje ao Bonfim?

A baiana Ana Zilda, 40 anos, foi agradecer. Ela era a única que estava dentro da Basílica antes da saída do cortejo. Caminhou em silêncio até o altar onde se ajoelhou para agredecer pela vida da sua irmã. Há três anos, conta Zilda, a irmã sofreu um ataque cardíaco. Agonizou em seus braços. Com a saúde abalada, a companheira de Lavagem deixou de seguir o cortejo. Zilda, por sua vez, continua a caminhada há 32 anos. Por ela, pela sua fé e principalmente pela sua irmã, de sangue e axé. "Estou aqui representando ela. Fico muito emocioada"

O motivo da baiana de ir hoje ao Bonfim foi agradecer (Foto: Nilson Marinho/CORREIO)

***

8h06 - Olha pro céu! 
São Pedro deve ter invejado o dia do Senhor do Bonfim....olha só como está o céu. Na madrugada choveu e segundo o Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) pode chover mais ao longo da procissão. Prepara a capinha e o guarda-chuva. 

Tempo está fechado na região do Comércio (Foto: Júlia Vigné/CORREIO)

***

8h04
O andor com as fitinhas do Senhor do Bonfim acabou de sair da Basílica da Conceição da Praia, no Comércio. Milhares de fiéis se concentram na escaria da igreja para cortejo que segue até a Colina Sagrada. São 8km - haja fôlego e fé!

***

Você sabia? 

De 1745 - quando a festa começou -  para cá, muita coisa mudou. Os jegues que carregavam água e lenha para lavar as escadarias viraram atrações da festa. Carregados de adereços, desfilavam com seus donos. Viraram até dito popular: sempre que aparecia uma criatura vestida de forma exagerada, era comum ouvir que a pessoa parecia ‘um jegue enfeitado para o Bonfim’. Pois, desde 2013, os jegues não dão as caras na festa. Depois de idas e vindas na Justiça, a presença dos bichinhos foi proibida sob a justificativa de maus tratos aos animais.
 

Foto: Luiz Hermano/Arquivo Correio - 1990

***

7h55 - Prontos pra caminhada?  Já, já o cortejo segue saindo da Igreja da Conceição. 

Fiéis e políticos já estão concentrados na frente da Igreja de Nossa Senhora da Conceição
Foto: Julia Vigné/CORREIO

***

7h54
Atenção: Quem vai para a festa precisa seguir andando a partir do primeiro bloqueio do trânsito que foi feito na Avenida Contorno

***

7h28 - Sobe e desce!
O Elevador Lacerda funciona DE GRAÇA hoje! Ou seja, dá pra subir e descer sem pagar nada :) 

***

6h50 - Trânsito lento
A Transalvador já registra trânsito intenso nos acessos à Lavagem do Bonfim. Há lentidão na Avenida Contorno, no Vale do Canela, e na Cidade Baixa.

***

06h09 - Serviços suspensos
Tem muita coisa importante que também não funciona na região, hoje, por conta da Lavagem. É o caso da unidade do Tribunal Regional Eleitoral da Bahia (TRE-BA) que está realizando o cadastramento biométrico na Estação Ferroviária da Calçada. Hoje, ela estará fechada. Só volta a funcionar amanhã, das 7h às 16h. O SAC Comércio também estará fechado e retorna as atividades amanhã. O posto funciona de segunda a sexta-feira, de 7h às 15h30. Tem mudança também na programação de bancos, shoppings, supermercados. Clique aqui para ver o que abre e fecha.

Daqui a pouco as ruas vão estar assim: abarrotadas de gente a caminho da Colina Sagrada (Foto: Arquivo CORREIO)

***

6h06 - Ainda sobre o trânsito, se ligue que tem alteração de sentido de tráfego:
A Avenida Engenheiro Oscar Pontes funciona como mão-dupla entre a Rua Estado de Israel e o acesso ao Ferry Boat, desde as 5h de hoje. A partir das 6h, tem sentido único de trânsito a Rua Boa Vista, na direção Rua Resende Costa, e a Rua Luiz Régis Pacheco - a partir da confluência com a Rua 26 de Dezembro, na direção final de linha do Uruguai, e a partir da confluência com a Rua Couceiros de Abreu, na direção Mares.

Também funciona em sentido único de tráfego as seguintes vias: Rua Augusto Mendonça e Rua Polidoro Bittencourt (sentido Dendezeiros / Boa Viagem), Rua Visconde de Caravelas (a partir do Largo do Papagaio) e Rua Henrique Dias (em toda extensão), no sentido Ribeira /Largo de Roma, das 8h de hoje às 4h de amanhã; na sexta e sábado (12 e 13), das 18h às 4h do dia seguinte, e no domingo (14), das 13h às 4h do dia seguinte.

Clique aqui para ver as principais mudanças no tráfego da região para a Lavagem.

Foto: Arisson Marinho/Arquivo CORREIO

***

6h03 - Você já deve saber que da Conceição da Praia à Colina Sagrada, as principais vias - passando por Água de Meninos, Calçada, Mares, Roma e Dendezeiros - estão interditadas, não é? (Ver detalhes mais acima). 

Pois bem. O tráfego na região do Bonfim está sendo interditado neste momento (previsto para iniciar às 6h), e as linhas que operam no local sofrerão mudanças de itinerário. São elas:

  • Linhas provenientes do Largo do Tanque com destino ao Campo Grande, Comércio e Av. Contorno: Saem do Largo do Tanque e seguem pela Liberdade, Nazaré, Joana Angélica, Politeama, Campo Grande e, a partir deste ponto, retomam o seu itinerário normal;
  • Linhas quem saem do Campo Grande e Vale do Canela com destino ao Comércio e Túnel Américo Simas: partem do Campo Grande pelo Politeama, Piedade, Avenida Joana Angélica, Nazaré, Vale do Nazaré, Sete Portas e, a partir daí, seguem o itinerário comum;
  • Linhas do Aquidabã com destino ao Campo Grande, Comércio e Avenida Contorno: saem do Aquidabã, Vale de Nazaré, Avenida Joana Angélica, Campo da Pólvora, Piedade, Politeama, Campo Grande e, a partir deste ponto, seguem o roteiro normal;
  • Linhas da Avenida Suburbana, Península Itapagipana e Calçada com destino ao Túnel Américo Simas/Aquidabã: vêm pelo Viaduto dos Motoristas, Largo do Tanque, Avenida San Martin, Largo do Retiro, Avenida Barros Reis, Sete Portas, Aquidabã e retomam o itinerário normal;
  • Linhas da Avenida Suburbana, Península Itapagipana e Calçada com destino ao Campo Grande e Vale do Canela: acessam o Viaduto dos Motoristas, Largo do Tanque, Liberdade, Barbalho, Nazaré, Piedade, Politeama, Campo Grande e depois seguem percurso;
  • Linhas provenientes do Aquidabã para a Avenida Suburbana: Aquidabã, Sete Portas, Barros Reis, Avenida San Martin, Largo do Tanque, Viaduto dos Motoristas e então fazem o roteiro normal;
  • Linhas do Largo do Taque com destino à Península Itapagipana seguem, no trajeto de ida, pelo Viaduto dos Motoristas, Rua 26 de Dezembro, Rua Régis Pacheco, Rua Boa Vista, Rua Resende Costa, Avenida Caminho de Areia e depois retomam o seu itinerário normal. No trajeto de volta seguirão pela Avenida Caminho de Areia, Rua Machado Monteiro, Rua Araujo Bulcão, Rua do Uruguai, Rua Régis Pacheco, Travessa 28 de Maio, Viaduto dos Motoristas e então o roteiro habitual;
  • Linhas provenientes da Suburbana com destino à Península Itapagipana seguem, no trajeto de ida, pela Rua Régis Pacheco, Rua Boa Vista, Rua Resende Costa, Avenida Caminho de Areia e, a partir deste ponto, retomam o seu itinerário normal.
  • Já no trajeto de volta, seguirão pela Avenida Caminho de Areia, Rua Araujo Bulcão, Rua do Uruguai, Rua Couceiros de Abreu, Rua Régis Pacheco, retorno Largo do Curtume, Rua Luis Maria e, a partir deste ponto, retomam o seu itinerário normal.
  • Linhas com destino final para a Av. da França, São Joaquim ou Calçada  provenientes do Largo do Tanque, farão o retorno no largo. Já as linhas que acessam o Túnel Américo Simas, farão retorno no Aquidabã.

Buzus da região mudam o itinerário (Foto: Mauro Akin Nassor/Arquivo CORREIO)

Ao final das comemorações do Bonfim as barreiras serão removidas e os coletivos passam a fazer o roteiro comum.

Além disso, pontos provisórios de mototáxi e taxistas foram montados na Praça Irmã Dulce, em Roma, para atender aos fiéis que não conseguirem completar todo o trajeto até a Colina Sagrada.

***

6h - As baianas daqui a pouco começam a jogar as cajás pelas ruas do Comércio. Essa foto é do nosso arquivo.

Foto: Arquivo CORREIO

***

5h58 - Ok, a Conceição da Praia só vai estar assim, como na foto abaixo, lá pelas 8h da matina. Essa imagem é do nosso arquivo. Mas, quando você chegar, saiba que aí vai estar rolando internet Wi-Fi gratuita. Vai dar pra postar selfie à vontade, sem gastar o pacote de dados do celular.

A rede só vai estar disponível no início do percurso. A responsável pelo serviço - se der errado, reclamem com eles - é a Companhia de Governança Eletrônica de Salvador (Cogel), da Prefeitura, que vai botar o Wi-Fi na concentração do cortejo, na região da Igreja da Conceição da Praia até a Praça Cayru. Clique aqui para saber como acessar a rede.

Foto: Mauro Akin Nassor/Arquivo CORREIO


***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas