Confirmado: Café Teatro-Rubi vai mesmo deixar o espaço do Wish Hotel da Bahia

ronaldo jacobina
04.02.2020, 05:00:00

Confirmado: Café Teatro-Rubi vai mesmo deixar o espaço do Wish Hotel da Bahia


Em momentos como o que vivemos, o jornalismo sério ganha ainda mais relevância. Precisamos um do outro para atravessar essa tempestade. Se puder, apoie nosso trabalho e assine o Jornal Correio por apenas R$ 5,94/mês.

(Correio)
Eliana Pedroso criou e geriu o Café-teatro Rubi durante quase sete anos

Como anunciado com exclusividade na coluna da última terça-feira (28), o Café-Teatro Rubi vai mesmo deixar o Wish Hotel da Bahia. De acordo com Eliana Pedroso, dona da marca, “o projeto nunca foi uma prioridade do grupo hoteleiro e que este criou muita expectativa financeira com o espaço, que tinha apenas 156 lugares”. Pedroso diz que planeja dar um novo rumo ao projeto. “O projeto não acaba, vamos ganhar novos ares”, diz.  Em nota enviada à coluna, o grupo JGP, escreve: “... a empresa está em processo de estudo de um novo formato para o teatro, que inclui modernização e novidades musicais exclusivas que serão anunciadas em breve”. 

Café na ladeira
O Larribistrô, novo empreendimento dos donos do restaurante Larriquerri, vai abrir as portas, na Ladeira da Barra, no próximo dia 12 (quarta-feira), a partir das 9h, para o café da manhã. De acordo com Gabriel Guerra, o espaço funcionará, por enquanto, em soft opening, até ajustar a operação, com a proposta de reunir no mesmo local um café, um bar e um cardápio de comida afetiva com uma programação cultural. O bistrô, que vai funcionar no prédio da Aliança Francesa, tem projeto arquitetônico de Guido Ramos, do escritório GAM Arquitetos, o mesmo que criou o Larriquerri, no bairro do Garcia. 

(Foto:Tereza Carvalho/Divulgação)
Gabriel e Rosa Guerra abrem espaço na Barra

Café que inspira
Guache Marques é um dos 13 artistas convidados da exposição Poéticas do Café que o espaço Latitude 13, marca nascida na Chapada Diamantina, inaugura no próximo dia 13 de janeiro, às 19h. Guache vai participar com duas obras criadas especialmente para o evento: Grão e Grão II, ambas inspiradas no grão de café. A mostra que fica em cartaz até 14 de maio no espço que funciona na Rua João Pondé, 378, na Barra. 

Saudações a Iemanjá

Beatles - O último final de semana foi regido por Iemanjá. A festa para o orixá, que tem seu apogeu no Rio Vermelho, agitou boa parte da cidade. No Centro Histórico, a rainha do mar foi celebrada no terraço do Hotel Fasano, com uma festa comandada pela cantora Margareth Menezes. Em volta da piscina, circularam personalidades do Brasil e do mundo. O destaque foi o DJ  britânico Zak Starkey, filho do baterista do ex-Beatles, Ringo Starr. 

(Fotos:Tati Freitas/Divulgação)
Zak Starkey, Margareth Menezes e Sjarna Liguz
Cris Visnevski e Malu Neves no Fasano 

Caymmi - Já no dia 2, além da comemoração nas ruas do Rio Vermelho - que é sempre linda e democrática - baianos e visitantes, famosos ou não, circularam pelasdezenas de farras privadas que acontecem durante a festa popular. No restaurante Manga, com vista para o mar do Rio Vermelho, cerca de 250 pessoas puderam acompanhar a saída dos barcos com os presentes para Iemanjá, embalados pela banda Olodum e pelas cantoras Belô Velloso e Alice Caymmi. Com serviço impecável feito pelos chefs Dante e Katrin Bassi, a festa levou a assinatura do promoter Ginno Larry.

Foto:Renata Marques/Divulgação)
Luiz Salém, Ginno Larry e Beto Neves no Manga 

Furacão - Do lado da cidade, no restaurante Amado, na Avenida Contorno, a promoter-mor da Bahia, Licia Fabio, recebeu mais de mil convidados para uma feijoada, assinada pela equipe de Edinho Engel, embalada pela voz contagiante da cantora Marcia Freire que provou mais uma vez porque ainda é o Furacão Loiro da Bahia. 

(Foto:Eduardo Freire/Divulgação)
Licia Fabio recebe Vik Muniz no Amado 


 

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas