Conheça alguns filmes para entender o racismo - e correr dele

entretenimento
21.11.2021, 09:59:00
O ator Daniel Kaluuya no genial Corra!, filme que deu a Jordan Peele o Oscar de roteiro adaptado (divulgação)

Conheça alguns filmes para entender o racismo - e correr dele

Veja a lista que fizemos para marcar a Consciência Negra, celebrada no Brasil neste fim de semana

Enquanto um policial se sentir no direito de asfixiar um homem negro até a morte só porque é considerado suspeito não dá para deixar de chamar atenção para o Dia da Consciência Negra, celebrado há 50 anos no Brasil, em 20 de novembro. A data foi criada como forma de homenagear Zumbi, líder do Quilombo dos Palmares, assassinado neste dia, em 1695. 

É como diz a ativista americana Angela Davis numa de suas frases mais icônicas: “Numa sociedade racista, não basta não ser racista. É necessário ser antirracista.”  Por isso, ainda é preciso que se fale muito (e todos os dias) sobre o 20 de novembro.

Que se incomodem mesmo os racistas, os isentões, os  privilegiados pela pele mais ‘clarinha’, os que deveriam mas não cumprem as leis, os responsáveis pelo programa acadêmico das escolas e universidades, os que validam o acordo silencioso de extermínio do povo preto, os editores de livros e jornais, os fascistas e extremistas de direita e a população em geral. Pode até demorar, mas só o incômodo (e a educação) leva à transformação necessária.

Fizemos, portanto, uma lista com filmes que podem funcionar como um ‘ótimo abrir de olhos’ para se pensar sobre o racismo e a tomada da consciência. Pois as plataformas de streaming (e o cinema realizado com chancela delas) estão acessíveis a quase todos e têm efeito multiplicador. Exemplo bem claro disso foram os importantíssimos Corra! (2017), que deu um Oscar a Jordan Peele, e Pantera Negra (2018), aventura de Ryan Coogler para a Marvel, que levaram milhões de pessoas às salas de cinema (e depois para frente da TV), dando protagonismo negro aos personagens. 

Uma observação importante: a lista não se pretende eleger os melhores ou mais importantes filmes do gênero. Até porque muitos clássicos, como 12 Anos de Escravidão (2013), Malcom X (1992) ou Mississippi em Chamas (1988), não estão disponíveis nas plataformas mais populares.

Separe um espacinho no seu tempo para assistir aos filmes que sugerimos abaixo (ah, pode pescar na lista proposta na galeria de fotos no pé da página):

Eu Não Sou Seu Negro (2017) - Corra para assistir ao excelente documentário de Raoul Peck inspirado no livro inacabado de James Baldwin  sobre o racismo nos EUA. A partir de cenas da vida real e depoimentos do próprio Baldwin, Peck examina questões raciais contemporâneas, com relatos sobre as vidas e assassinatos dos ativistas Medgar Evers, Malcolm X e Martin Luther King Jr. Onde assistir: Globoplay

Infiltrado na Klan (2018) -  Dirigido pelo genial  pike Lee, o filme segue um policial negro que se infiltrou na Ku Klux Klan, apesar de todas as barreiras encontradas. Sensacional, a trama tem atuações brilhantes de Adam Driver e John David Washington. Onde assistir: Netflix, Telecine e Amazon

Se a Rua Beale Falasse (2018) - Terceiro filme de Barry Jenkins, este é inspirado no livro homônimo de James Baldwin. Para reler o tom inflamado do ativista americano, Jenkis conduz a narrativa alternando o presente e o passado da história de amor entre um casal. Os momentos que mostram Tish com Fonny são belos e íntimos, destacando de maneira extremamente sensível a relação. Já as cenas que retratam o presente, acontecem sempre de forma dura e realista, como a luta da protagonista para salvar o marido, pai do filho que espera chegar. Onde assistir: Amazon

Harriet (2019) -  Logo após ter escapado da escravidão, Harriet Tubman decide ajudar centenas de pessoas escravizadas a fugirem do sul dos Estados Unidos durante a Guerra Civil americana. Como se vê no filme de Kasi Lemmons, essas ações dão um novo direcionamento para a história e a ativista política se torna uma das maiores heroínas do país. Onde assistir: Telecine

Small Axe (2020) - “Se vocês são uma grande árvore, nós somos o pequeno machado, afiado para derrubá-la” são versos da canção Small Axe, escrita por Bob Marley. Small Axe também é o título da série dirigida por Steve McQueen (12 Anos de Escravidão), com cinco longas-metragens (dois estrearam em Cannes) que contam histórias distintas sobre a vida de imigrantes caribenhos em Londres. Dá para assistir de boa, separadamente, sem perder o fio da meada. Onde assistir: Globoplay

Noite de Reis (2020) - O filme de Philippe Lacôte conta a jornada de um jovem numa prisão, onde precisa se subjugar a um ritual em que deve contar uma história que dure a noite inteira, se quiser sobreviver. Intenso, o filme explora bem as camadas de poder entre os presidiários.  Onde assistir: Telecine

For Life - (2020) - Não é apenas uma série produzida pelo rapper 50 Cent. A trama, que já tem duas temporadas, é baseada na história real do advogado Isaac Wright Jr, condenado injustamente à prisão perpétua. Ao conseguir uma brecha no sistema penal americano, ele passa a lutar não só por sua própria liberdade mas a de outros como ele. Onde assistir: Netflix, Amazon e Globoplay

The Underground Railroad (2021) - Ler o livro The Underground Railroad, de Colson Whitehead, vencedor do Pulitzer há quatro anos, é uma experiência intensa. Ver a série em dez capítulos que o diretor Barry Jenkins concebeu é, no mínimo, impactante. Como no livro, a trama apresenta uma mulher escravizada em fuga de uma vida de violência física e sexual sofrida numa plantação de algodão no estado americano da Geórgia, no século 19. Onde assistir: Amazon Prime

Judas e o Messias Negro (2021) - O longa de Shaka King faz um recorte na ascensão do presidente do Partido dos Panteras Negras, traído por um militante. Como efeito disso, o ativista vivido com força por Daniel Kaluuya é morto. Onde assistir: HBO Max

Identidade  (2021) - Um dos melhores lançamentos do ano, o filme de Rebecca Hall conta uma história que ainda tem reflexos nos dias de hoje: narra o reencontro de duas amigas de infância, Irene e Clare, ambas negras, na Nova York dos anos 1920. Por ser mais 'clara' e desfrutar de certos privilégios que o colorismo lhe concede, Clare faz de tudo para negar suas origens.  Onde assistir: Netflix


Bote aí na sua lista essas outras sugestões:

Pantera Negra (2018 / Ryan Coogler/ Disney)
Pantera Negra (2018 / Ryan Coogler/ Disney) (divulgação)
Straight Outta Compton - A História Do N.W.A. (2015/  F. Gary Gray / Netflix e Telecine)
Straight Outta Compton - A História Do N.W.A. (2015/  F. Gary Gray / Netflix e Telecine) (divulgação)
Faça a Coisa Certa (Spike Lee / 1989 / Telecine)
Faça a Coisa Certa (Spike Lee / 1989 / Telecine) (divulgação)
A Voz Suprema do Blues (2020 / George C. Wolfe / Netflix)
A Voz Suprema do Blues (2020 / George C. Wolfe / Netflix) (divulgação)
A 13ª Emenda (2016 /  Ava DuVernay / Netflix)
A 13ª Emenda (2016 /  Ava DuVernay / Netflix) (divulgação)
Frutvaile Station - A Útima Parada (2013 / Ryan Coogler / Amazon)
Frutvaile Station - A Útima Parada (2013 / Ryan Coogler / Amazon) (divulgação)
Da África aos EUA - Uma Jornada Gastronomica - (2021 / Netflix)
Da África aos EUA - Uma Jornada Gastronomica - (2021 / Netflix) (divulgação)
 Olhos Que Condenam (2019 / Ava DuVernay / Netflix)
Olhos Que Condenam (2019 / Ava DuVernay / Netflix) (divulgação)
 Doutor Gama (2021 / Jeferson De / Globoplay)
Doutor Gama (2021 / Jeferson De / Globoplay) (divulgação)
Os Estados Unidos vs Billie Holiday ( 2021 / Lee Daniels / Amazon)
Os Estados Unidos vs Billie Holiday ( 2021 / Lee Daniels / Amazon) (divulgação)
Time (2020 /  Garrett Bradley / Amazon)
Time (2020 /  Garrett Bradley / Amazon) (divulgação)
 Django Livre (2012 / Quentin Tarantino / Netfix e Amazon)
Django Livre (2012 / Quentin Tarantino / Netfix e Amazon) (divulgação)
 Cidade de Deus (2002 / Fernando  Meirelles / Globoplay e Telecine)
Cidade de Deus (2002 / Fernando  Meirelles / Globoplay e Telecine) (divulgação)
  What Happened, Miss Simone? ( 2015 / Liz Garbus / Netflix)
What Happened, Miss Simone? ( 2015 / Liz Garbus / Netflix) (divulgação)
Quem Matou Malcom X ? (2020 / Netflix)
Quem Matou Malcom X ? (2020 / Netflix) (divulgação)
Moonlight - Sob a Luz do Luar (2016 / Barry Jenkins / HBO Max)
Moonlight - Sob a Luz do Luar (2016 / Barry Jenkins / HBO Max) (divulgação)
Destacamento Blood (2020 / Spike Lee / Netflix)
Destacamento Blood (2020 / Spike Lee / Netflix) (divulgação)


***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas