Conheça Ana Fausta, primeira mulher a se tornar tenente-coronel dos Bombeiros na BA

salvador
17.07.2019, 09:03:00
Atualizado: 17.07.2019, 11:22:46
(Foto: Divulgação/SSP-BA)

Conheça Ana Fausta, primeira mulher a se tornar tenente-coronel dos Bombeiros na BA

Mãe de uma filha, além de criar irmão com Down, entrou na Corporação em 1996

Em momentos como o que vivemos, o jornalismo sério ganha ainda mais relevância. Precisamos um do outro para atravessar essa tempestade. Se puder, apoie nosso trabalho e assine o Jornal Correio por apenas R$ 5,94/mês.

Ana Fausta Assis de Araújo, 48 anos, entrou para a história do Corpo de Bombeiros da Bahia. No último sábado (13), ela foi promovida e se tornou a primeira mulher a chegar ao posto de tenente-coronel do bombeiros no estado. A informação foi divulgada nesta quarta-feira (17) pela Secretaria da Segurança Pública da Bahia (SSP-BA).

Mãe de uma filha, além de criar o irmão portador de Síndrome de Down, a agora tenente-coronel  entrou no Corpo de Bombeiros em 1996 e ficou até 2002 em unidades operacionais. "Depois fui convidada para coordenar os cursos de formação de praças femininas. Em 2015, quando o quadro das instituições foi separado, optei por seguir a carreira na minha casa, no lugar que sempre me identifiquei, no Corpo de Bombeiros Militar da Bahia”, contou a tenente-coronel Ana Fausta. 

(Foto: Divulgação/SSP-BA)

Ana acumula no currículo experiência na unidade de orçamento do comando do Corpo de Bombeiros, passou pelo 1º Grupamento de Bombeiros Militares/Barroquinha, 3º Grupamento de Bombeiros Militares/Iguatemi e 10º Grupamento de Bombeiros Militares/Simões Filho. Atuou na Escola de Formação de Bombeiros e atualmente comanda o Grupamento Marítimo da instituição (Gmar).

A tenente-coronel também criou o projeto ‘Anjinhos da praia’ que educa crianças sobre como se comportar no mar. “Nos inspiramos em um projeto que existe em vários estados, porém a gente deu mais ‘dendê’ à atividade, para que tivesse mais a nossa cara. Hoje as crianças passam cinco dias aprendendo e brincando com o lema ‘Educar para Prevenir’  para evitar acidentes na água”, disse.  

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas